30 novembro 2014

Jogo de um só sentido resulta em goleada


Académico Viseu- Santo André 26:0
Golo Académico Viseu: Miguel Loureiro (6, 10, 31, 44 min), Diogo Paiva (7, 45 min), Gonçalo (16,17, 23, 48, 52, 54, 55 min), Raul (18, 34 min), Melo (20, 40 e 41 min), Rodrigo Silva (21, 25, 26, 46 min), João Nunes (28 min), Raul (33 min), Luiz (58 min), Nuno (59 min)
Académico Viseu: Pedro Farias, Kiki, Nuno, Guilherme Melo, Gonçalo, Luiz, Raul, João Nunes, Miguel Loureiro, Diogo Paiva, Rodrigo Silva e Mário.
Treinador: João Figueira.
Santo André: Tito, Dani, Martim, Marcelo, Pedro, Rodrigo, Nuno, Leandro, Rodri, Alexandre, Fred.
Treinador: António Silva.
Árbitro: André Amaral.

Este é o jogo que marca o encerramento da primeira volta e onde os academistas procuram regressar às vitória.
Inicio de partida com os academistas a terem mais posse de bola procurando desde cedo o golo inaugural. Primeiro Gonçalo bem desmarcado por Melo obriga Tito a boa defesa. Na sobra é Nuno a rematar forte mas um pouco por alto.
Aos 5 minutos remate forte de Nuno a passar perto. O marcador viria a ser inaugurado quando Miguel Loureiro vence a oposição dos defesas contrários e faz o remate que resulta no primeiro golo da equipa.
Aos 7 minutos Diogo Paiva tem um remate forte e colocado que amplia a vantagem academista. Jogo de um só sentido e aos 9 minutos Kiki remata de muito longe vendo o seu remate passar perto da baliza contrária.
No minuto seguinte Miguel Loureiro bem desmarcado Melo faz o remate que só para nas redes forasteiras.
Aos 13 minutos é Melo a colocar à prova Tito que responde com boa defesa. Dois minutos depois Gonçalo desmarca Melo para Tito responder com boa defesa.

O marcador viria a ser alterado à passagem do minuto 16 com Gonçalo a ser o autor do remate que resulta no quarto golo academista. No minuto seguinte o mesmo jogador viria a bisar na partida.
Aos 18 minutos Raul bem desmarcado aparece isolado perante Tito e faz o sexto golo da sua equipa.
Dois minutos depois canto de Raul para Melo isolado cabecear e fazer o golo.
No minuto seguinte é a vez de Rodrigo com um remate colocado a vencer a oposição de Tito fazendo o sétimo golo da partida.
Aos 22 minutos Gonçalo em duas ocasiões fica perto do golo que o consegue aos 23 minutos quando numa boa jogada colectiva com Melo a solicitar Gonçalo que isolado e sem oposição faz o golo de forma simples.
No minuto seguinte Raul tem um bom centro para Rodrigo Silva ao segundo poste ampliar novamente a vantagem da equipa academista.
Aos 25 minutos João Nunes leva o seu remate a embater na base do poste  e Rodrigo Silva encosta para o décimo golo academista. No minuto seguinte Raul desmarca novamente Rodrigo Silva que vindo de trás faz o golo.
Aos 28 minutos é a vez de João Nunes também ele colocar o seu nome nos marcadores com um bom remate que resulta.
Sobre o apito para o intervalo Pedro tem o primeiro remate para defesa de Mário.

No primeiro minuto da segunda parte Melo desmarca bem Miguel Loureiro que aparece a encostar para novo golo da equipa academista.
Aos 33 minutos Melo bem solicitado por Raul fica perto do golo para a sua equipa. No minuto seguinte Luiz desmarca Raul que se antecipa a Tito fazendo o golo.
Aos 38 minutos Melo desmarca bem Miguel Loureiro que com um bom remate vê Pedro sobre a linha a evitar o golo da equipa academista.
No minuto seguinte boa jogada de Melo que resulta em novo golo para a sua equipa. Aos 41 minutos Melo ganha a bola em zona avançada e perante Tito faz o golo de forma simples.
Dois minutos depois Miguel Loureiro no interior da área forasteira é mais lesto que os jogadores contrários fazendo o remate que amplia a vantagem da equipa local.
Aos 45 minutos Diogo Paiva tem um bom remate que vence a defensiva forasteira e resulta em novo golo para os academistas .
No minuto seguinte, Diogo Paiva tem bom centro para Rodrigo Silva aparecer a encostar para novo golo.
Aos 48 minutos Gonçalo em zona frontal tem um bom remate que só para nas redes contrárias. O vigésimo golo da sua equipa viria a ser conseguido no minuto seguinte com Gonçalo a rematar vencendo a oposição de Tito.
Aos 54 minutos Gonçalo é mais lesto que a defesa contrária fazendo novo golo para a equipa academista.
No minuto seguinte Rodrigo Silva desmarca bem Gonçalo que faz novo golo.
Aos 58 minutos Kiki aparece isolado mas Tito responde com boa defesa. No mesmo minuto canto de Melo para Luiz aparecer a encostar para novo golo da equipa academista.
No minuto seguinte Nuno com um remate colocado faz o golo que imprime o resultado final.

Out: fragilidades forasteiras. Sempre que pressionados os jogadores forasteiros sentiram muitas dificuldades e com isso foram sofrendo golos que atingiram um número exagerado numa competição. Uma palavra de ânimo para estes campeões que apesar da goleada lutam com brio por praticarem aquilo que mais gostam. Força campeões.
In: atitude academista. Desde cedo os academistas sentiram que pressionando os forasteiros conseguiriam criar perigo e com isso golos e isso não fez refrear a atitude dos locais em procurar sempre mais. Uma atitude "profissional" procurando sempre mais e que trouxe frutos com o avolumar do resultado até obter uma das maiores goleadas dos academistas.

Outros resultados:
Dínamo Estação - Viseu Benfica 6:2
Viseu 2001 - Lusitano Vildemoinhos 0:2
Vouzelenses - Quintela Orgens 3:3
Penalva Castelo - Repesenses 0:14
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Repesenses990094427
Académico Viseu9801781224
Dínamo Estação9702391421
Lusitano Vildemoinhos9603402418
Viseu 20019405252512
Penalva Castelo930614499
Vouzelenses922514428
Viseu Benfica921616427
Quintela Orgens921614437
Santo André90094830

Iniciados com derrota complicam as suas contas


Fiães - Académico Viseu 2:0

NOTA: Gostaria de pedir a quem assistiu a esta partida e me possa enviar informações sobre o mesmo que o faça para jorge.miguel.sa@gmail.com. O meu OBRIGADO!

Outros resultados:
Gondomar - Avanca 2:0
Sanjoanense - Beira Mar 3:2
Gafanha - Repesenses 2:1
Feirense - Oliveirense 1:0
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Sanjoanense1493222930
Feirense1493226930
Gafanha14743171625
Oliveirense1473419924
Fiães14662171124
Gondomar14365101515
Avanca14347172813
Repesenses14347152113
Beira Mar1423915279
Académico Viseu1406811246

Nó apertado dita empate em derby citadino

Viseu Benfica - Académico Viseu 0:0

Académico Viseu: Rui Pedro; Tadeu, Pedro Amaral, Cláudio, Bernardo Figueiredo; Patrick (Leo), Miguel Oliveira, Lucas(Totti); Guga (Bernardo Monteiro), Diogo Lourenço, Tiago Mendes

Os juvenis B academistas tinham mais um derby citadino, desta vez com o Viseu Benfica.
Foi uma partida equilibrada onde apesar de ambas as equipas terem procurado o golo não conseguiram desatar o forte nó do nulo e com isso o resultado final seria o de um empate.
Os academistas foram a equipa que melhores ocasiões criaram mas onde a eficácia não deixou que abrissem o marcador.
NOTA: Gostaria de pedir a quem assistiu a esta partida e me possa enviar informações sobre o mesmo que o faça para jorge.miguel.sa@gmail.com. O meu OBRIGADO!

Outros resultados:
Viseu 2001 - Lusitano Vildemoínhos :
Molelos - Mortágua :
Mangualde - Canas Senhorim 4:3
Penalva Castelo - Estrelas Mondego 2:0
Vouzelenses - Pinguinzinhos 1:2
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Viseu 2001981031725
Pinguinzinhos1072124623
Lusitano Vildemoinhos961226619
Vouzelenses10604181518
Penalva Castelo10433151715
Viseu Benfica10424161714
Académico Viseu1026291212
Mangualde10334131712
Molelos930616209
Estrela Mondego1022610318
Mortágua921613227
Canas Senhorim100195261

Juniores goleadores assumem liderança

Canas Senhorim - Académico Viseu 0:5
Golos Académico Viseu: Rafael Silva, João Soares, Rafael Barreiros, Formoso e Carlos.
Académico Viseu: Fábio Farias, Pedro, Formoso, Carlos, Rafael Marques (Bruno), Rafael Barreiros, Rodrigo (Lopes), Hugo Mota (Vasco), Benjamim, João Soares e Rafael Silva.
Suplentes não utilizados: Vale, Eduardo, Mendes
Treinador Rui Lage.

Os juniores academistas deslocavam-se a Canas de Senhorim para defrontar a equipa local onde só a vitória interessava. Com uma boa entrada os academistas viriam a conseguir colocar-se desde cedo na frente do marcador com Rafael Silva a ser o autor do golo inaugural.
Na frente do marcador os academistas veriam o seu guarda-redes Fábio Farias a evitar o golo do empate quando defende uma grande penalidade.
Após o susto os academistas viriam a confirmar a sua superioridade e ainda antes do intervalo conseguir marcar em três situações.
Com uma vantagem tranquila a segunda parte apesar de controlada pelos academistas que dispuseram de algumas oportunidades flagrantes para marcar mas só por uma vez conseguiram esse desidrato sendo Carlos o autor do mesmo.
Vantagem da melhor equipa em campo e desta forma os academistas sobem ao lugar mais cimeiro da tabela classificativa.

NOTA: Gostaria de pedir a quem assistiu a esta partida e me possa enviar informações sobre o mesmo que o faça para jorge.miguel.sa@gmail.com. O meu OBRIGADO!

Outros resultados:
Viseu Benfica - Ranhados 4:0
Viseu 2001 - Penalva Castelo 1:3
Mortágua - Molelos 0:1
Mangualde - Lusitano Vildemoinhos 0:5
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Académico Viseu10712401522
Molelos8620301020
Mortágua961220719
Lusitano Vildemoinhos9603271018
Viseu Benfica9513191116
Penalva Castelo9504231315
Ranhados9333111412
Canas Senhorim8314112110
Mangualde920713256
Viseu 200180177251
Cabanas Viriato80085550

Juvenis derrotados em duelo de manutenção

Paços Ferreira - Académico Viseu 2:1 br />


NOTA: Gostaria de pedir a quem assistiu a esta partida e me possa enviar informações sobre o mesmo que o faça para jorge.miguel.sa@gmail.com. O meu OBRIGADO!

Outros resultados:
Boavista - Régua 7:0
Penafiel - F.C.Porto 0:2
Padroense - Feirense :
Leixões - Oliveirense 2:1
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
F.C.Porto13112032635
Boavista13724361423
Feirense12651231222
Padroense12642201122
Leixões13715221622
Oliveirense13445222316
P. Ferreira13328101911
Penafiel13247172810
Académico Viseu132388259
Régua1321107437

Benjamins goleadores

Vouzelenses - Académico Viseu 2:8
Golos Académico Viseu: Miguel Cardoso 3, Bernardo Sequeira, Tomás, Daniel e João Miguel, António Cunha.
Académico Viseu: Bernardo Sequeira, Tomás Fonseca,  David Ribeiro, Daniel, Miguel Cardoso, Tiago Santos, António Cunha, João Miguel, Gabriel Gonçalves, Carriço, Francisco Correia e Diego Mota.
Treinador: Coelho.

Os benjamins entraram nesta partida com o firme propósito de alcançar desde cedo os golos que lhe permitissem uma vantagem para alcançar a vitória final.
Desta forma com uns 25 minutos de boa qualidade os academistas viriam a conseguir marcar em 4 situações chegando ao merecido descanso com uma vantagem confortável de 4-0.
Na segunda parte os academistas continuaram a demonstrar a sua superioridade conseguindo mais 4 golos tendo sofrido dois e desta forma alcançam uma vitória importante e que os mantém nos lugares que dão o acesso à fase final da prova.


Outros resultados:
Oliveira Frades - Viseu 2001 :
Lusitano Vildemoinhos - Repesenses 0:8
Dínamo Estação - Viseu Benfica 0:1
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Repesenses660044418
Académico Viseu640123615
Viseu Benfica6402201112
Dínamo Estação6312131010
Vouzelenses410314313
Oliveira Frades41038253
Viseu 200140133171
Lusitano Vildemoinhos600610310

Eficácia academista ditou vitória em jogo equilibarado


Académico Viseu - Sátão 2:1
Golo Académico Viseu: Francisco (2 min), Leo (32 min)
Golo Sátão: Hélder (54 min)
Académico Viseu: Rodrigo, Pedro Tavares, Tó, Nuno, Leandro, João Teixeira (Gaby, 64 min), Francisco, André Neutel (Rafael Ferraz, 45 min), Leo, Costa (David, 34 min (Rúben, 45 min) e Edu.
Suplentes não utilizados: José Miguel, João Silva, Marcos.
Treinador: Elísio Pais.
Sátão: Filipe, Helder, Edgar (José Ferreira, 50 min (Leonardo, 69 min), Zé Pedro, Hugo, Francisco, Alex, André (Rodrigo, 34 min), Vitor, Bruno, Romeu (Miguel, 69 min).
Suplentes não utilizados: José Costa, J.P e Rui Pedro.
Treinador: Bruno.
Árbitro: Fábio Azevedo.

Que grande ocasião esta para a equipa do Sátão quando por duas vezes Alex fica perto do golo valendo a intervenção de Rodrigo em duas situações.
Contudo no minuto seguinte Francisco consegue ganhar o lance ao defesa forasteiro e perante Filipe remata fazendo o golo inaugural da partida.
Aos 4 minutos Alex novamente a cabecear levando o perigo à baliza academista valendo o corte providencial de Pedro Tavares a evitar o golo do empate.
Entrada de loucos esta.
Aos 13 minutos André consegue subir bem no terreno e remata perto da baliza academista.
Partida agora jogada a um ritmo mais lento. Aos 20 minutos Edu remata forte para defesa a dois tempos de Filipe. Na resposta Bruno em boa posição remata perto da baliza academista.
Aos 32 minutos novo golo viria a surgir quando Leo é bem solicitado e perante a saida de Filipe faz o remate que resulta no segundo golo da equipa academista.
Vitória parcial dos academistas que souberam aproveitar as ocasiões criadas para obter uma vantagem preciosa.

Aos 38 minutos Edu desmarca bem Leo que em boa posição remata muito por alto.
O Sátão procura o golo que os coloque na luta por um resultado mais positivo e aos 53 minutos Hélder remata sem a melhor direcção. Dois minutos depois Pedro Tavares centra da melhor forma para Rafael Ferraz rematar sem a melhor direcção.
Grande penalidade para a equipa do Sátão num lance dividido na área academista. Chamado a marcar Hélder reduz o marcador e anima as hostes forasteiras na procura de um resultado positivo.
O Sátão está melhor na partida e aos 60 minutos vê Hélder na marcação de um livre levar a bola a embater com estrondo na barra academista.
Os academistas estão algo precipitados e nervosos com a boa reacção do Sátão.
Aos 72 minutos Hélder na marcação de um livre remata sem a melhor direcção.
Out: eficácia forasteira. A equipa forasteira viu as suas ambições limitadas ao não conseguir vencer a oposição da defensiva academista e também da sua falta de eficácia e com isso sai derrotado de um jogo que até tem as melhores ocasiões para marcar.
In: eficácia academista. Os jogadores academistas souberam aproveitar da melhor forma duas das ocasiões criadas e com isso obter uma vantagem que acabou por ser preciosa face ao pressing final da equipa forasteira. No marcar esteve o ganho!
Melhor em campo: Francisco. Começou da melhor forma a partida, ao obter logo aos dois minutos o golo inaugural da partida. Para além disso sempre que o jogo passou por si a velocidade aumentava e com isso as dificuldades para a defensiva forasteira aumentavam. A par de Edu foram os jogadores que mais desequilíbrios criaram e isso dá-lhe o destaque na partida.

Outros resultados:
Viseu Benfica - Lusitano Vildemoinhos 0:1
Viriatos - Drizes :
Oliveira Frades - Santo André :
Penalva Castelo - Vouzelenses 6:1
Viseu 2001 - Ranhados 5:1
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Lusitano Vildemoinhos10100060230
Viseu 2001971136422
Viseu Benfica961229719
Oliveira Frades961219619
Penalva Castelo10433322015
Vouzelenses10406164412
Drizes8314171610
Santo André9315111910
Viriatos9315162410
Académico Viseu103079479
Sátão91178334
Ranhados101096373

29 novembro 2014

Equilibrio em derby citadino ditou nulo no marcador


Viseu 2001 - Académico Viseu 0:0
Viseu 2001: Gonçalo, Tomás, Guilherme, Tiago Durães, Rodrigo, Telmo, Diogo Braguês, João Costa, Miguel e Martim.
Académico Viseu: Gustavo, Rodrigo Coelho, Miguel Pessoa, Rodrigo Pereira, Ivan, Ricardo Gonçalves, Miguel Sousa, Zé Mendes, Tiago Figueiredo, Gonçalo Carvalho, Rodrigo Gaspar.
Treinador: Diogo Almeida.
Árbitros: Daniel Bernardo e Carlos Pereira.

Os benjamins A academistas defrontavam o Viseu 2001 em mais um derby citadino.
O início foi bastante equilibrado com ambas as equipas a procurarem em primeiro lugar não cometer erros e só depois procurar atacar com perigo à baliza contrária.
Aos 8 minutos Miguel Pessoa remata para defesa de Gonçalo. No minuto seguinte Gonçalo Carvalho fica perto do golo mas sem conseguir o melhor remate.
Aos 12 minutos é Telmo que num centro remate quase que surpreende Gustavo.
A partida era jogada a um ritmo lento e só aos 23 minutos viria a acontecer um lance de perigo quando os Rodrigo Gaspar em boa posição aparece isolado mas remata muito por alto gorando a melhor oportunidade da partida.
Na resposta Telmo remata de muito longe para defesa atenta de Gustavo.

Chega-se ao intervalo com um nulo da partida que representa da melhor forma ao equilíbrio notado nos primeiros 25 minutos.
O Viseu 2001 por intermédio de Diogo Braguês é a primeira equipa a criar perigo obrigando Gonçalo a boa defesa.
Aos 28 minutos Zé em boa posição remata fraco à baliza local.
Aos 34 minutos no seguimento de um livre Miguel Sousa remata forte vendo a bola passar perto da barra da baliza do Viseu 2001. Na resposta é Telmo em duas situações a rematar muito perto da baliza academista.
Aos 40 minutos Ivan cabeceia mas Diogo Braguês em cima da linha de golo salva a sua equipa de sofrer um golo que os academistas já gritavam.
No minuto seguinte lance duvidoso na área do Viseu 2001, com Miguel Pessoa a parecer ser tocado na disputa de bola com o defesa "laranja".
Aos 48 minutos Rodrigo Gaspar aparece isolado e remata para defesa de Gonçalo evitando que o marcador sofre-se alterações e desta forma o nulo seria mesmo o resultado final.
Arbitragem tranquila mas com um lance duvidoso mas onde a sua melhor posição lhe pode dar o benefício de dúvida na análise ao mesmo.


In: equilíbrio. Embora coubesse aos academistas a maior percentagem de posse de bola, o equilíbrio foi a toada dominante da partida e com isso nenhuma das equipas conseguiu marcar e dai o nulo ajusta-se.

Outros resultados:
Quintela Orgens - Penalva Castelo 4:5
Footlafões - Oliveira Frades 0:6
Dínamo Estação - Viseu Benfica 1:3
Lusitano Vildemoinhos - Viriatos 8:1
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Viseu Benfica 963047621
Dínamo Estação9621431120
Lusitano Vildemoinhos9612421119
Oliveira Frades9612492019
Académico Viseu9522551317
Viseu 20019432302215
Viriatos930648519
Footlafões 920710796
Penalva Castelo910814680
Quintela Orgens90099660

Cambalhota no marcador permite vitória infantil academista


Académico Viseu - Penalva Castelo 6:1
Golos Académico Viseu: Nuno (10 min), Rodrigo Saraiva (16, 28 min), Carlos (32 min), Guilherme (37 min, autogolo), Bernardo (43 min)
Golo Penalva Castelo: Rodrigo (4 min)
Académico Viseu: Rafael Correia, Tiago Varela, Santos, Francisco, Jéssica, Filipe, Carlos, Nuno, Bernardo, Edgar, Rodrigo Saraiva e Tomás.
Treinador: Fábio Mendes e Pedro Pereira.
Penalva Castelo: Nuno, Leandro, Gonçalo, Bruno, Gabriel, Rodrigo, Guilherme, Hugo, Vaz Pinto e João.
Treinador: Pedro Miranda
Árbitro: André Amaral.

Os infantis sub12 academistas defrontavam a equipa do Penalva do Castelo procurando o regresso às vitórias.
O primeiro lance de perigo surgiu logo no primeiro minuto com Carlos a centrar vendo o mesmo embater na barra da baliza penalvense após ter tocado num defesa forasteiro.
Na resposta Bruno remata para defesa atenta de Rafael Correia. O marcador viria a funcionar aos 4 minutos quando Rodrigo ganha o lance em zona avançada a um defesa academista e remata cruzado batendo o guarda-redes academista.
O Académico reage ao golo sofrido da melhor forma assumindo o domínio da partida e aos 10 minutos Carlos desmarca Nuno que perante o guarda-redes penalvense consegue vencer a oposição deste restabelecendo o empate na partida.
Aos 14 minutos Bernardo remata colocado à base do poste da baliza contrária.

A cambalhota no marcador viria a ser coroada à passagem do minuto 16 com Carlos a centrar da melhor forma para Rodrigo Saraiva aparecer em boa posição e fazer o remate que resulta no golo.
Aos 21 minutos remate de Bernardo para boa defesa de Nuno. No minuto seguinte Rodrigo Saraiva mostra bom entendimento com Carlos com este ultimo a rematar para grande defesa de Nuno.
Aos 28 minutos Carlos remata para defesa incompleta de Nuno e Rodrigo Saraiva mais lesto que toda a defensiva contrária aparece a fazer o golo.
Chega-se ao intervalo com uma vitória parcial dos academistas fruto de uma boa reacção ao golo sofrido e que lhes permitiu dar a cambalhota no marcador.

Os academistas entram da melhor forma na segunda parte e aos 32 minutos Carlos consegue vencer em velocidade os defesas penalvenses e perante Nuno faz o quarto golo da sua equipa.
Cinco minutos depois novo golo viria a surgir quando Carlos tem um centro que Guilherme intercepta da pior forma e leva a bola a anichar-se nas redes da sua baliza.
Aos 38 minutos Bruno de muito longe remata para defesa atenta de Rafael Correia.
Cinco minutos depois Bernardo tem uma boa jogada individual rematando colocado fazendo um golo de belo efeito, o sexto da sua equipa.

Aos 47 minutos Rafael Correia consegue responder da melhor forma a um bom remate de Gabriel evitando o golo penalvense.
Cinco minutos depois Rodrigo Saraiva obriga Nuno a nova boa defesa. Aos 54 minutos Rodrigo Saraiva remata forte mas vê o seu remate ser devolvido caprichosamente pela barra da baliza penalvense.
No minuto seguinte Leandro em boa posição obriga Rafael Correia a boa defesa, sendo este o último lance de real perigo para as duas balizas.
Vitória justa dos academistas que foram sempre superiores e mesmo na situação de desvantagem conseguiram reagir da melhor forma e obter uma reviravolta no marcador e consequente vitória.
Arbitragem tranquila.

In: reação academista. Os academistas conseguir reagir à adversidade de estar em desvantagem no marcador e dar a volta ao resultado, conseguindo conciliar a vitória com bons momentos de futebol. Uma boa atitude que trouxe frutos finais.
Melhor em campo: Carlos. Foi o elemento mais desequilibrador da equipa academista e a sua ação foi decisiva na conquista da vitória academista. Este directamente ligado a 5 dos golos alcançados para a sua equipa tanto a marcar como principalmente a desmarcar colegas para o golo e desta forma merece o destaque.
Outros resultados:
Dínamo Estação - Lusitano Vildemoinhos 6:1
Repesenses - Viseu Benfica 7:0
Viseu 2001 - Pinguinzinhos 5:1
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
CFT Viseu7700431021
Repesenses760144918
Viseu Benfica7403182312
Dínamo Estação7313212210
Lusitano Vildemoinhos7313132210
Académico Viseu830522309
Viseu 2001722320208
Pinguinzinhos720414286
Penalva Castelo700710410

23 novembro 2014

Poder local vence iniciados academistas

Drizes - Académico Viseu 5:1

NOTA: Gostaria de pedir a quem assistiu a esta partida e me possa enviar informações sobre o mesmo que o faça para jorge.miguel.sa@gmail.com. O meu OBRIGADO!

Outros resultados:
Lusitano Vildemoinhos - Viseu 2001 1:0
Sátão - Vouzelenses :
Ranhados - Viriatos 1:3
Santo André - Viseu Benfica 0:4
Penalva Castelo - Oliveira Frades 1:2
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Lusitano Vildemoinhos990059227
Viseu 2001861131319
Viseu Benfica861129619
Oliveira Frades961219619
Penalva Castelo9333261912
Drizes8314171610
Santo André9315111910
Viriatos9315162410
Vouzelenses830512379
Académico Viseu92077466
Sátão71156284
Ranhados91085323

Lobos mais poderosos que academistas em dia não

Repesenses - Académico Viseu 7:0

Este era um derby que colocava frente a frente os dois lideres desta série e desta forma o jogo prometia fortes emoções.
Desde cedo a equipa do Repesenses se foi mostrando mais forte do que os academistas e viriam a conseguir marcar ainda antes do intervalo por duas situações.
Se a primeira parte ainda se mostrou algum equilíbrio na segunda parte a equipa local conseguiu mostrar-se mais poderosa e marcar em mais 5 situações aproveitando muitos dos momentos em que os academistas se mostraram débeis.
Vitória justa dos locais que mostraram-se mais poderosos do que os academistas que se mostraram em dia não.
Força ai campeões e já sábado estaremos todos a lutar pela reviravolta desde resultado menos positivo.

NOTA: Gostaria de pedir a quem assistiu a esta partida e me possa enviar informações sobre o mesmo que o faça para jorge.miguel.sa@gmail.com. O meu OBRIGADO!

Outros resultados:
Santo André - Vouzelenses 1:4
Viseu Benfica - Penalva Castelo 0:4
Lusitano Vildemoinhos - Dínamo Estação 0:4
Quintela Orgens - Viseu 2001 :
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Repesenses880080424
Académico Viseu8701521221
Dínamo Estação8602331218
Lusitano Vildemoinhos8503382415
Viseu 2001730421229
Penalva Castelo830514359
Viseu Benfica821514367
Vouzelenses821511397
Quintela Orgens720510366
Santo André80084570

Infantis sub12 derrotados após jogo menos conseguido

Pinguinzinhos - Académico Viseu 6:0

Os infantis sub 12 após duas vitórias consecutivas deslocavam-se a Santa Comba São para defrontar a equipa local dos Pinguinzinhos.
Num jogo menos conseguido dos academistas a vitória acaba por ser um justo prémio para a equipa local que se mostrou melhor que os forasteiros.


NOTA: Gostaria de pedir a quem assistiu a esta partida e me possa enviar informações sobre o mesmo que o faça para jorge.miguel.sa@gmail.com. O meu OBRIGADO!
   

Outros resultados:
Viseu Benfica - Dínamo Estação :
Lusitano Vildemoinhos - Viseu 2001 :
CFT Viseu - Repesenses 5:2
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
CFT Viseu7700431021
Repesenses650137915
Viseu Benfica530214139
Lusitano Vildemoinhos53029149
Dínamo Estação521212167
Pinguinzinhos620413246
Académico Viseu720516296
Viseu 2001511314174
Penalva Castelo60069350

Benjamins dinamistas vencem derby sobre o apito final

Académico Viseu - Dínamo Estação 1:2

Numa série marcada pelo equilíbrio entre equipas, este derby colocava em confronto duas equipas que em caso de vitória poderiam assumir a liderança da competição.
Foi um jogo jogado taco a taco onde os dinamistas acabaram por ter a vitória final ao conseguir o golo da vitória muito perto do apito final.


NOTA: Gostaria de pedir a quem assistiu a esta partida e me possa enviar informações sobre o mesmo que o faça para jorge.miguel.sa@gmail.com. O meu OBRIGADO!

Outros resultados:
Penalva Castelo - Viseu 2001 4:6
Viriatos - Footlafões 14:1
Viseu Benfica - Lusitano Vildemoinhos 1:1
Oliveira Frades - Quintela Orgens :
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Dínamo Estação862042820
Viseu Benfica853044518
Académico Viseu8512551316
Lusitano Vildemoinhos8512331016
Viseu 20018422302214
Oliveira Frades7412342013
Viriatos830547439
Footlafões 820610736
Quintela Orgens70075520
Penalva Castelo80089640

Golo solitário dita vitória repesense em derby equilibrado

Repesenses - Académico Viseu 1:0

Este derby assumia-se de importância vital para a luta pela manutenção que ambas as equipas encetam.
O jogo foi bastante equilibrado a sorte do jogo viria a cair para a equipa local que com um golo solitário consegue uma vitória preciosa.

NOTA: Gostaria de pedir a quem assistiu a esta partida e me possa enviar informações sobre o mesmo que o faça para jorge.miguel.sa@gmail.com. O meu OBRIGADO!

Outros resultados:
Oliveirense - Sanjoanense 0:1
Beira Mar - Gondomar 0:1
Avanca - Fiães 1:2
Gafanha - Feirense 0:4
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Sanjoanense1383219727
Feirense1383225927
Oliveirense1373319824
Gafanha13643151522
Fiães13562151121
Avanca13346172613
Repesenses13346141913
Gondomar1326581512
Beira Mar1323813249
Académico Viseu1306711226

Entrada adormecida dita derrota benjamim


Repesenses - Académico Viseu 6:0

Académico Viseu: Denis, Duarte, J.Pedro, Rodrigo, Diogo, Guilherme, Marco, Gonçalo D, David, Tomás, Gonçalo F. e  Luis.
Treinador: Cristiana.

Os benjamins sub10 B academistas deslocavam-se a Repeses para defrontar a equipa local.
Os academistas entraram bastante adormecidos na partida e a equipa local souber aproveitar algumas das liberdades dadas pelos academistas e viriam a conseguir marcar em 4 ocasiões nos primeiros 25 minutos.
A segunda parte começou com novo golo para a equipa local, mas este teve o condão de despertar os forasteiros que em seguida assumiram o jogo, trocando melhor a bola mas sem conseguir o remate final que resultasse no golo.
Esse golo viria mesmo a surgir mas para a equipa azul que perto do final viria a aproveitar algumas debilidades defensivas academistas a marcar o sexto golo.

NOTA: Gostaria de pedir a quem assistiu a esta partida e me possa enviar informações sobre o mesmo que o faça para jorge.miguel.sa@gmail.com. O meu OBRIGADO!

Outros resultados:
Viseu Benfica - Cracks Lamego 1:4
Vila Nova Paiva - Sátão 3:2
Tarouca - Crasto :
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Crasto531122810
Tarouca5311231010
Repesenses 531116710
Cracks Lamego43012659
Vila Nova Paiva430115109
Sátão521218127
Viseu Benfica50055220
Académico Viseu50054550