30 novembro 2013

Empate juvenil academista

video

Académico Viseu - Resende 1:1
Golo Académico Viseu: Gigi (63 min)
Golo Resende: Fernando (1 min)
Académico Viseu: Diogo Correia, Gustavo, Fábio, Costa, Gigi, Pratas, Gabi, Lopes, Dani (Diogo Ribeiro, 62 min) e Alex (Pedro Pais, 68 min).
Suplentes não utilizados: Rui Pedro, Edgar e Xavi.
Treinador: Diogo.
Resende: Diogo, Ricardo, Filipe, Ari, Manuel Pedro, Bruno, Fábio (Leonardo, 80+1 min) , Jorginho (José João, 58 min), Chiquinho, Fábio Diogo e Fernando (Leandro, 79 min).
Suplentes não utilizados: Diogo e Rui.
Treinador: José Rabaça.
Cartão amarelo: 
Académico Viseu: Dani (52 min)
Àrbitro: José Soares, Auxiliares: Marco Guerra e Luís Gomes.

Os juvenis B academistas procuram o regresso às vitórias frente ao Resende.
No primeiro minuto da partida acontece o primeiro golo da partida num remate muito facilitado por toda a defensiva academista colocando os forasteiros na frente do marcador.
Mais uma vez os academistas têm que procurar dar a volta a um resultado adverso. Aos 7 minutos boa jogada de Lopes a centrar bem mas Diogo antecipa-se ao cabeceamento de Alex.
Aos 9 minutos boa desmarcação de Dani a solicitar Gabi que é derrubado na área contrária. Chamado a marcar Gabi marca forte mas Diogo consegue adivinhar o lance e faz boa defesa.
Aos 14 minutos Jorginho solto no interior da pequena área remata muito por alto. Os academistas procuram restabelecer o empate que já merecem.
Aos 22 minutos remate de Gustavo com algum perigo à baliza forasteira.
Os academistas não estão a permitir que a equipa forasteira se aproxime com perigo da baliza defendida por Diogo Correia.
Contudo aos 33 minutos Jorginho na marcação de um livre vê o mesmo passar muito perto da baliza academista. Três minutos depois grande ocasião para o Resende quando Chiquinho desmarca Fernando que isolado falha o golo.
Chega-se ao intervalo com uma derrota parcial academista fruto de um golo muito madrugador da equipa do Resende que soube preservar esta importante vantagem.

Cabe aos academistas lutar por dar a reviravolta no marcador e aos 44 minutos Lopes de muito longe obriga Diogo a voar evitando o golo do empate.
Os academistas estão intranquilos e não conseguem aproximar-se com perigo à baliza contrária numa exibição muito apática e sem garra.
Contudo aos 63 minutos na marcação de um livre marcado por Gabi, Diogo tem uma boa defesa mas a bola sobra para Gigi que em boa posição faz o golo do empate que acaba por se ajustar.
No minuto seguinte boa jogada de Pratas a entrar bem na área e centra mas Lopes não consegue o melhor remate.
Aos 69 minutos Fábio Marques em boa posição não consegue o melhor remate.
Os academistas procuram o golo que lhes dê a vitória mas o Resende consegue evitar e conseguem preservar o empate na partida que se ajusta. Apesar de muita posse de bola os academistas na segunda parte não realizaram uma grande exibição.
Arbitragem com vários erros sobretudo disciplinares onde o maior pecado é a não expulsão do ataque do Resende após agressão.

Out: falta de massagista. Penso ser muito importante a existência de um massagista e hoje a equipa academista falhou nesse ponto. Um muito obrigado ao treinador José Rabaça pela ajuda dada nas assistências médicas.
In: solidez forasteira. Apesar de só ter até ao momento um ponto na prova o Resende mostrou que sabia bem a lição e vendo-se logo nos instantes iniciais em vantagem soube defender da melhor forma nunca descurando o ataque rápido aproveitando a grande velocidade e mesmo técnica dos seus elementos mais avançados.
Melhor em campo: Diogo. O guarda-redes foi um "enorme muro" contra as investidas academistas. Com uma mão cheia de boas defesas o jovem Diogo realizou uma boa exibição coroada com a defesa de uma grande penalidade.

Outros resultados:
Sátão - Cinfães 3:1
Drizes - Vouzelenses 3:2
Crasto - Moimenta Beira 3:0
Cracks Lamego - Oliveira Frades 3:2
Viseu Benfica - Viriatos :
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Drizes770025521
Cracks Lamego770025421
Oliveira Frades7511191016
Sátão7403131012
Cinfães730414139
Académico Viseu72321979
Crasto721413137
Moimenta Beira711514227
Viriatos62137127
Vouzelenses713313196
Resende7025592
Viseu Benfica 60063440

Infantis goleadores

video

Académico Viseu - Galfarritos 15:0
Golos Académico Viseu: Miguel Loureiro (7 e 8 min), Rodrigo Silva (12, 60 min), Raul (14, 53 min), Gonçalo Pereira (20 min), Nuno Pereira (25, 35 min), Rafael (26, 45 min), António (36, 38 min), André (47 min), Vasquinho (54 min)
Académico Viseu: Rafael Correia, Vasquinho, Luiz, Nuno, Raul, Miguel, Rodrigo Silva, André, António, Rafa, Xico e Vasquinho.
Treinador: Carlos.
Galfarritos: Ivo Brás, António, Henrique, Luis Filipe, Daniel, Tiago, Rodriguinho, Rodrigo, Guilherme, Samuel, Rui Evandro.
Treinador: Júlio Daniel.
Àrbitros: Casimiro Cunha e Francisco Silva.
video

Os infantis sub 12 academistas defrontam a equipa do Galfarritos e procuram uma vitória.
Logo no primeiro minuto remate de Nuno a obrigar Ivo Brás a boa defesa. Aos 4 minutos Miguel Loureiro em boa posição em boa posição não consegue o melhor remate.
Aos 7 minutos Miguel Loureiro aparece isolado e perante Ivo Brás à segunda faz o primeiro golo da partida.
No minuto seguinte Rodrigo Silva remata para defesa do guarda-redes forasteiro mas na sobre Miguel Loureiro remata e faz o segundo golo da equipa academista.
Aos 12 minutos Raul desmarca bem Rodrigo Silva . No minuto seguinte Miguel Loureiro desmarca bem Rodrigo Silva que remata colocado e faz o golo.
Aos 14 minutos Raul bem solicitado por Miguel aparece a fazer o quarto golo da equipa academista.
Dominio completo dos academistas que aos 19 minutos ampliam a vantagem com um bom remate por intermédio de Gonçalo Pereira.
Dois minutos depois António em boa posição perante Ivo desperdiça uma ocasião flagrante para o golo.
Aos 25 minutos remate forte de Nuno que resulta no sexto golo da equipa academista. No minuto seguinte António desmarca bem Rafael que tem um remate cruzado que amplia a vantagem da turma local.
Chega-se ao intervalo de um jogo de um só sentido, onde a baliza dos Galfarritos é o destino.

No primeiro minuto da segunda parte Gonçalo Pereira fica perto do golo valendo a atenção do guarda redes forasteiro. Aos 32 minutos remate de Rafael a obrigar Samuel a boa defesa.
O primeiro remate com algum perigo da equipa do Galfarritos acontece aos 34 minutos sendo .
Aos 36 minutos António remata forte e na sobra Nuno Pereira encosta para novo golo da equipa local. O nono golo viria a surgir quando António se antecipa à defesa forasteira e faz o remate que resulta em novo golo.
Aos 38 minutos André Cardoso remata ao poste e na sobra António encosta para novo golo academista.
Cinco minutos depois Xico desmarca bem André Cardoso que sem marcação não consegue o melhor remate.
Aos 45 minutos remate colocado de Rafael que resulta no 11º golo da equipa academistas. Dois minutos depois novo golo viria a surgir quando após remate colocado de André Cardoso a bola anicha-se na baliza molelense.
Aos 48 minutos Rodrigo remata colocado e vê o mesmo embater com estrondo na base do poste da baliza academista. Dois minutos depois remate colocado de André Cardoso à barra da baliza forasteira.
Aos 54 minutos remate colocado de Raul que amplia a vantagem academista. Jogada de insistência de Vasquinho a ganhar o lance no ataque e remata colocado batendo Samuel.
Aos 60 minutos remate de Raul para defesa incompleta de Samuel e na sobra Rodrigo Silva faz o golo academista.
Vitória justa dos academistas por números robustos.
video

Out: Fragilidades forasteiras. A equipa dos Galfarritos mostrou bastantes fragilidades defensivas quando pressionados pelos academistas e isso resultou em diversas ocasiões para a equipa local. Para além disso a equipa forasteira só criou dois lances de perigo para a baliza defendida por Rafael Correia e dai a goleada sofrida.
In: querer mais academista. Apesar das facilidades, os academistas procuraram sempre criar lances de perigo para aumentar a sua vantagem e mesmo qual algumas falhas na finalização obtêm uma vitória importante que os mantêm na boa fase em que atravessam.

Outros resultados:
Repesenses - Pinguinzinho 3:3
Mortágua - Estrelas Mondego 3:1
Mangualde - Viseu 2001 0:5
Carregal Sal - Nelas 0:0
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Repesenses7610491219
Pinguinzinho8611201119
Pestinhas760121718
Académico Viseu7502491815
Viseu 20018413232213
Mortágua7403191412
Estrelas Mondego713317136
Nelas712416225
Carregal Sal81255175
Mangualde71065483
Os Galfarritos70075440

24 novembro 2013

Iniciados B vencem e dão salto na tabela classificativa

Académico Viseu - Drizes 1:0
Académico Viseu: Beto, Rafa(Pedro Lopes) , Tiago, Lourenço (David Teixeira), Zé Miguel, Salgado, Nene, Joel (Diogo Matos), David Lopes (Alex), Ruben Miguel e Ruben Lopes (Bacalhau).
Suplente não utilizados: Pedro Santos

Os iniciados B academistas defrontavam a equipa do Drizes, num jogo em que uma vitória lhes podia permitir dar um salto na tabela classificativa.
Primeira parte com maior condão ofensivo do Académico com a equipa do Drizes a sair sempre em contra-ataque com jogadores muito rápidos na frente. Apesar de estar sempre em cima do adversário, os academistas não conseguiam criar claras oportunidades de golo.
O golo surgiu na sequência de um canto estudado em que depois de alguma confusão, Zé Miguel cabeceia para golo. O resto da primeira parte foi o que já se tinha visto até então com Ruben Miguel a ter duas hipóteses de ampliar a vantagem com dois cabeceamentos que passaram perigosamente perto do poste esquerdo da baliza do Drizes.
Quase no fim da primeira parte o Drizes poderia ter tirado proveito da sua estratégia num venenoso contra-ataque mas Beto foi mais forte no um para um.
Na segunda parte o Drizes entrou mais pressionante ganhando alguns pontapés de canto, mas a equipa local esteve sempre mais forte no jogo aéreo controlando assim o jogo nesse aspeto.
Tentando controlar novamente a partida, o Académico foi conseguindo ter mais bola e os visitantes tentaram apenas a sua sorte de longe, mas Beto esteve sempre muito atento.
Com mais bola e sabendo explorar também o contra-ataque foi criada uma boa chance com Ruben Lopes a ganhar de cabeça uma bola a meio campo desmarcando Diogo na direita que a dois toques coloca a bola em Ruben Miguel que dispara ao poste da baliza do Drizes.
Apesar de ter sido um jogo equilibrado o Académico teve sempre o jogo controlado e os jogadores tiveram sempre muito concentrados, alheando-se do que ouviam na bancada conseguindo alcançar uma vitória preciosa.

Out: comportamento dos pais. Mais uma vez mais alguns pais não sabem apoiar a equipa pela qual os filhos jogam não incentivando ao seu desenvolvimento pessoal, coletivo e desportivo, no fundo uns dos principais princípios da modalidade. Por vezes dá a sensação que são a equipa adversária.
In: o jogo coletivo e a entreajuda. Os academistas demonstraram uma enorme vontade em sair vitoriosos do jogo.

Outros resultados:
Viseu 2001 - Viriatos 1:2
Ferreira Aves - Moimenta Beira 2:2
Cracks Lamego - Vouzelenses 2:0
Paivense - Resende 2:2
Penalva Castelo - Cinfães 1:5
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Cracks Lamego862026520
Cinfães862025620
Vouzelenses742117914
Viriatos841311913
Académico Viseu8404171012
Paivense733115912
Oliveira Frades731312810
Penalva Castelo7313121610
Viseu 2001722313118
Drizes72146157
Resende71248164
Moimenta Beira80266202
Ferreira Aves70168421

Infantis vencem em jogo complicado

Estrelas Mondego - Académico Viseu 2:3
Golos Académico Viseu: Rafa, Raul e André
Académico Viseu: Mário, Nuno, Luiz, André, Rafa, Raúl, António, Kiki, João Nunes, Rodrigo Silva, Miguel Loureiro e Vasquinho.
Treinador: Carlos Lopes.

Os infantis sub12 B academistas deslocavam-se a Abrunhosa a Velha para defrontar a equipa local do Estrelas de Mondego.
Num jogo marcado pelo muito vento e por consequência frio, os academistas entraram melhor na partida e na primeira parte viriam a conseguir dois golos, sendo Rafa e Raul os autores dos mesmos.
Nada fazia prever que a segunda parte fosse ter contornos diferentes pois os academistas criavam oportunidades de golo que em alguns casos esbarravam na barra da baliza local.
Com isso e com o resultado ainda curto a equipa local viria a alcançar o empate em dois lances de bola parada que castigavam em demasia a finalização academista.
O resultado final viria a ser alcançado pelos academistas aos 55 minutos por intermédio de André que assim dá uma vitória justa aos forasteiros.

Outros resultados:
Galfarritos - Carregal Sal 1:2
Pinguinzinho - Mangualde 2:0
Nelas - Pestinhas 1:2
Viseu 2001 - Mortágua 2:3
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Repesenses660046918
Pestinhas760121718
Pinguinzinho760117818
Académico Viseu6402341812
Viseu 20017313182210
Mortágua630316139
Estrelas Mondego613216106
Nelas611416224
Carregal Sal71155174
Mangualde61055433
Os Galfarritos60065290

Escolas B vencem e continuam subida na tabela

Viseu Benfica - Académico Viseu 1:2

Nota: Gostava de vos pedir a ajuda na construção da noticia, visto não me ter sido possível assistir à partida. Podem enviar um mail para: jorge.miguel.sa@gmail.com. Agradeço desde já!

Outros resultados:
Santo André - Repesenses 1:8
Pinguinzinho - Mangualde 26:0
Galfarritos - Vila Chã Sá 3:4
Viseu 2001 - Mortágua :
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Repesenses660066518
Pinguinzinho651074316
Vila Chã Sá7502382415
Académico Viseu7403173612
Pestinhas631237810
Viseu 2001530216129
Santo André621319187
Galfarritos620416206
Mortágua611413384
Viseu Benfica61057213
Mangualde700701190

Escolas A empatam em derby citadino

Académico Viseu - Viseu Benfica 3:3
Golos Académico Viseu: João António, Rodrigo Coelho e Ivan Ribeiro.
Académico Viseu: Gonçalo Pereira, Tiago Figueiredo, João António, Miguel Pessoa, Rodrigo Coelho, João Pedro, Rodrigo Pereira, Ivan Ribeiro, Theodosios Marques, Miguel Sousa, António Zheng e Tiago Abreu.
Treinador: Filipe.

Os escolas A academistas tinham mais um derby citadino frente a um dos fortes candidatos à presença na fase final da Competição.
Foi um jogo com permanentes mudanças na vantagem do marcador e com isso o jogo foi verdadeiramente diabólico cativando o publico que assistiu ao mesmo.
O empate a três golos acaba por premiar ambas as equipas naquele que foi um jogo de grande emotividade.

Outros resultados:
Viriatos - Crasto 0:12
Cracks Lamego - Oliveira Frades 3:2
Vouzelenses - Lusitano Vildemoinhos 0:13
Repesenses - Dínamo Estação 3:1
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Cracks Lamego770051521
Viseu Benfica751142716
Lusitano Vildemoinhos7421351114
Repesenses B7412271513
Dínamo Estação732218911
Oliveira Frades7313331910
Académico Viseu7241271310
Penalva Castelo7313142310
Crasto730443239
Viriatos71157564
Quintela Orgens70164461
Vouzelenses70075760

Golo nos descontos decide jogo equilibrado


Académico Viseu - Oliveirense 0:1
Golo Oliveirense: Pedro (70+ 2 min)
Academico Viseu: Tomé, Filipe, Cláudio, Costa, Rui Miguel, Ângelo, Miguel Ângelo (Lucas, 53 min), Caiado, Tiago (Rafa, 60 min), Bernardo e Pipo.
Suplentes não utilizados: Tiago Palhares, Rafael Figueiredo, Leo, Diogo e Patrick.
Treinador: Vitor Santos, João Figueira.
Oliveirense: Gonçalo, Pedro Castro, Damas, Tiago, Marcelo, Rafa, Rúben (Bernardo, 65 min), Xavi, Gonçalo Azevedo (Xavier Quaresma, 70+ 5 min), Márcio (Pisko, intervalo), Miguel Aguiar (Diogo Fontes, 17 min).
Suplentes não utilizados: Alexandre, Francisco Leite, Pedro Carvalho .
Treinador: Canana.
Cartão amarelo:
Académico Viseu: Cláudio (41 min), Ângelo (70+ 4 min)
Árbitro: Bruno Ventura, Auxiliares: Fábio Oliveira e Mário Serrano. (A.F. Coimbra)

Os iniciados academistas procuram o regresso às vitórias. Aos 4 minutos no seguimento de um canto Caiado cabeceia para defesa a dois tempos de Gonçalo.
A resposta forasteira dá-se aos 6 minutos num remate de Miguel Aguiar a que Tomé defende a dois tempos. No minuto seguinte Rafa obriga Tomé a nova boa defesa.
Aos 10 minutos Tiago temporiza bem e desmarca bem Bernardo que remata sem a melhor direcção.
Muita preocupação no Fontelo perante a lesão do jovem jogador oliveirense Miguel Aguiar.
Aos 17 minutos boa jogada da equipa oliveirense com Gonçalo Azevedo a rematar perto da baliza academista.
Após a longa pausa as equipas estão a procurar entrar novamente na partida. Aos 30 minutos remate de muito longe de Pipo mas sem grandes dificuldades para o guarda-redes Gonçalo..
A resposta dá-se num cruzamento de Gonçalo Azevedo com Xavi a antecipar-se à defesa academista e ficar muito perto do golo.
Aos 31 minutos centro de Bernardo com a bola a chegar a Miguel Oliveira que perde muito tempo para o remate. Dois minutos depois remate de muito longe de Pedro Crasto a ver o mesmo embater com estrondo na barra da baliza academista.
Na resposta Pipo desmarca bem Miguel Ângelo que em boa posição não consegue o golo.
Chega-se ao intervalo com um empate numa primeira parte atípica devido à lesão do jovem jogador oliveirense.

A primeira investida a uma das balizas cabe aos academistas com Miguel Ângelo a aparecer a cabecear fraco.
Aos 43 minutos Caiado desmarca Pipo que remata muito ao lado da baliza oliveirense. A reação forasteira dá-se num lance de bola parada o qual ainda introduzem a bola no interior da baliza academista mas o lance é anulado por fora de jogo do jogador oliveirense.
Aos 50 minutos centro de Tiago com Pipo a aparecer a rematar de forma acrobática muito perto da baliza de Gonçalo. A partida está muito equilibrada e adivinha-se que quem marcar fica em grande vantagem para obter a vitória.
Quatro minutos depois remate forte de Marcelo que sofre o corte providencial da defesa academista.
A partida encaminha-se rapidamente para o seu término sem nenhuma equipa conseguir o golo e onde as ocasiões de golo escasseiam em ambas as balizas.
Aos 72 minutos num lance em que a equipa academista não aliviou a bola da sua área, o árbitro assinala grande penalidade a castigar mão de Ângelo. Chamado a marcar a grande penalidade Pedro faz o golo muito ingrato para os academistas
Aos 75 minutos Lucas de muito longe remata para defesa de Gonçalo.
Resultado muito ingrato para os academistas que tal como no jogo da primeira volta sofrem o golo nos descontos num jogo em que não mereciam tal castigo.
Arbitragem com uma atuação bastante contestada e que fica ligada ao seu desfecho pois no lance da grande penalidade fica a dúvida da intencionalidade do toque de Ângelo na bola. Para além disso sobretudo na segunda parte o trio de arbitragem foi tendo um critério bem distinto na marcação de faltas em nítido prejuízo para a equipa local.

Out: finalização academista. Tem sido uma das grandes fraquezas dos academistas! A equipa consegue criar lances de golo iminente mas a finalização não é a melhor e isso tem custado pontos tal como mais uma vez aconteceu hoje. Um castigo demasiado doloroso para uma exibição até agradável.


NOTA: Em nome do Académico Viseu desejamos as rápidas melhoras ao jovem Miguel Aguiar e que a lesão seja só mesmo um susto e que voltes rápido à competição. Força ai campeão!

Outros resultados:
Avanca - Sanjoanense 0:2
Gondomar - Repesenses 2:1
Lusitano Vildemoinhos - Feirense 0:3
Crasto -Taboeira 0:5
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Feirense13121033637
Oliveirense13101227831
Gondomar13922211129
Sanjoanense13724231123
Repesenses13526181517
Taboeira13517182616
Avanca13418192313
Académico Viseu13328131911
Lusitano Vildemoinhos1322910248
Crasto1302119482

Tiros locais derrotam academistas


Viriatos - Académico Viseu 2:1
Golo Viriatos: Rolo (25 min), Luis Pedro (78 min)
Golo Académico Viseu: Gabi (65 min)
Viriatos: Tiago, Wolfs, Paulito, Luis Pedro, Kiko, Edgar (Edu, 80 min), Ricardo, Bale (Mauro, 51 min), Leitão, Dani (Gui, 27 min) e Rolo.
Suplentes não utilizados: João, Francisco.
Treinador: Vitor.
Académico Viseu: Diogo Correia, Gustavo, Costa, Fábio Marques, Pratas, Gigi, Maurício, Dani, Gabi, Miguel Ribeiro (Diogo Ribeiro, 26 min) e Alex (Edgar, 65 min).
Suplentes não utilizados: Rui Pedro, Tadeu, Pedro Pais, Xavi.
Treinador: Mário Correia.
Cartão amarelo:
Académico Viseu: Alex (17 min)
Árbitro: Carlos Rodrigues, Auxiliares: Dinis Figueiredo e João Amaral.

Os juvenis B academistas tem mais um derby onde o seu adversário é a equipa dos Viriatos.
Inicio com mais posse de bola dos academistas mas com a equipa dos Viriatos a procurar equilibrar.
O primeiro lance de perigo acontece aos 8 minutos com Alex a solicitar bem Dani que remata cruzado perto da equipa local.
Os academistas dominam e aos 15 minutos no seguimento de um canto marcado por Gabi, nenhum dos seus colegas consegue o cabeceamento.
O primeiro remate da equipa dos Viriatos acontece aos 20 minutos sendo Rolo sido o seu autor.
Dois minutos depois Tiago repõe mal a bola e Gigi no interior da pequena área perde algum tempo para o remate desperdiçando uma flagrante ocasião.
A resposta dá-se num livre marcado por Ricardo onde Edgar não consegue o melhor cabeceamento.
Aos 23 minutos Dani remata perto da base do poste da baliza local.
Contudo aos 24 minutos numa perca de bola em zona proibitiva do defesa academista e a bola é recuperada por Rolo que de muito longe faz o chapéu a Diogo Correia e faz o golo inaugural da partida. Resultado muito ingrato!
Aos 30 minutos Maurício num remate cruzado obriga Tiago a boa defesa a evitar o golo academista.
No minuto seguinte novamente Maurício remata forte mas sem levar de vencida Tiago.
Na resposta novamente Rolo a conseguir ganhar em velocidade aos defesas academistas e remata muito perto da baliza de Diogo Correia.
Aos 34 minutos Dani desmarca bem Diogo Ribeiro que em boa posição remata fraco para defesa atenta de Tiago. Dois minutos depois Gabi no seguimento de um livre remata por cima da baliza dos Viriatos.
Chega-se ao intervalo com um resultado bastante ingrato para os academistas.

Tal como nas partidas anteriores os academistas têm que tentar dar a volta a um resultado negativo e é com esse objetivo que regressam à partida. Aos 44 minutos Alex desmarca bem Diogo Ribeiro que remata fraco para defesa fácil de Tiago.
No minuto seguinte Maurício centra bem para Alex chegar um pouco atrasado ao cruzamento.
Aos 58 minutos Diogo desmarca Alexandre que por pouco nao faz o golo. No minuto seguinte Gabi desmarca Dani que da entrada da área remata para boa defesa de Tiago.
Aos 60 minutos acontece o golo merecido do empate quando após uma confusao na área Alex remata e no ressalto Gabi faz o golo já merecido.
Quatro minutos depois Gabi marca o livre e Gigi sozinho cabeceia para fora.
Três minutos depois remate fraco de Gabi para boa defesa de Tiago.
Aos 69 minutos Gabi desmarca Mauricio que chuta para defesa de Tiago que conserva o empate.
Aos 72 minutos Bernardo em boa posição não consegue o remate. No minuto seguinte Gabi desmarca bem Gustavo que remata colocado valendo a defesa de Tiago.
Os academistas estão a dominar por completo a partida e aos 73 minutos canto de Gabi para Fábio Marques cabecear ao poste da baliza local.
Dois minutos depois Gabi desmarca bem Dani que obriga Tiago a boa defesa.
Aos 78 minutos remate de muito longe de Luís Pedro que resulta num golo de belo efeito.
A equipa academista procura novamente o golo do empate que Edgar aos 83 minutos não consegue fazer quando aparece totalmente desmarcado mas não consegue o golo.
Má arbitragem.

Out: finalização academista. Os academistas só se podem queixar da sua finalização e do castigo que a falta da mesma teve, pois disfrutaram de boas ocasiões para marcar mas não conseguiram. Como diz o provérbio quem não marca sofre e foi isso mesmo que aconteceu aos academistas.
In: eficácia dos Viriatos. Em 5 remates com perigo à baliza academista conseguiram dois golos de belo efeito e saiem vitoriosos de uma partida em que souberam sofrer as investidas academistas e na melhor altura aproveitar os lances criados para marcar.
Melhor em campo: Tiago. Com um punhado de boas defesas foi conservando a vantagem da sua equipa e com isso a vitória alcançada pelos Viriatos tem muita responsabilidade na exibição do guarda-redes local.

Outros resultados:
Crasto - Cracks Lamego 1:2
Resende - Drizes 1:2
Vouzelenses - Oliveira Frades 1:1
Cinfães - Viseu Benfica 10:0
Moimenta Beira - Sátão 2:1
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Drizes660022318
Cracks Lamego660021218
Oliveira Frades651017716
Sátão63031099
Cinfães630313109
Académico Viseu62221868
Moimenta Beira611414197
Viriatos62137127
Vouzelenses613211166
Crasto611410134
Resende6015481
Viseu Benfica 60063440

23 novembro 2013

Infantis lutadores conseguem vitória


Académico Viseu - Viseu Benfica 3:2
Golos Académico Viseu: Francisco (4 min), Duarte (11 min) e Rodrigo (43 min)
Golos Viseu Benfica: Guilherme Machado (2 min) e Guilherme Costa (10 min)
Académico Viseu: Ricardo, Anacleto, Rodrigo, André, Duarte, Diogo Bravo, Luis, Diogo Paiva, Francisco e Francisco Ferreira.
Treinador: Paulo.
Viseu Benfica: Nuno Rodrigues, Tiago Pereira, Diogo Esteves, Débora Esteves, Guilherme Costa, Duarte Seco, Guilherme Machado, Fernando Monteiro, Zé Mendes, Nélson Santos, Rodrigo Vieira e João Coelho.
Treinador: Júlio.
Árbitro: Edgar Abreu.

Este era um derby no escalão de infantis sub12, onde os academistas procuravam a sua primeira vitória no Campeonato.
O primeiro remate academista cabe aos academistas quando Luís em boa posição remata fraco para defesa fácil de Nuno Rodrigues.
Contudo o marcador viria a funcionar no minuto seguinte num lance caricato com Duarte Seco a centrar e Ricardo deixa a bola escapar-se e Guilherme Machado aproveita para encostar e fazer o golo.
Contudo a resposta academista é pronta quando Duarte num canto centra para Francisco ao 2º poste aproveitar os espaços dados e fazer o golo do empate.
Aos 9 minutos Luís desmarcado por Diogo Paiva em duas situações leva a bola a embater no poste e em seguida na barra da baliza benfiquista.
Quem não marca sofre e isso viria mesmo a acontecer quando aos 10 minutos Guilherme Costa de muito longe bate Ricardo colocando novamente os benfiquistas na frente do marcador.
Tal como no primeiro golo da partida a reação academista foi pronta e passado pouco mais do que um minuto o empate viria a ser restabelecimento no seguimento de um remate de Duarte que só para nas redes benfiquistas.
Aos 15 minutos Guilherme Costa em boa posição remata mas sem a melhor direcção.
Três minutos depois Duarte desmarca bem Diogo Paiva que em boa posição não consegue o golo. Aos 20 minutos é a vez de Nélson Santos rematar para defesa atenta de Ricardo.
Cinco minutos depois Duarte aparece isolado perante Nuno Rodrigues mas perde o tempo de remate e ao fazê-lo permite que o guarda-redes benfiquista faça a mancha evitando assim o golo academista.
Aos 27 minutos Diogo Paiva centra bem para Duarte não conseguir o golo. Já sobre o apito para o intervalo Duarte ganha o lance ao guarda-redes benfiquista e em seguida remata mas Nuno Rodrigues tem uma grande defesa a evitar o golo da equipa local.
Chegava-se ao intervalo com um resultado que castigava a finalização academista que merecia ter regressado ao balneários em vantagem.

A segunda parte começa com um ritmo mais pausado e sem grandes lances de perigo para ambas as balizas. Dai só aos 38 minutos é que Guilherme Costa de muito longe remata para defesa atenta de Francisco.
Cinco minutos depois remate de muito longe de Rodrigo a bater o guarda-redes benfiquista colocando pela primeira vez os academistas na frente do marcador.
A resposta forasteira é pronta e primeiro Guilherme Costa e depois Duarte rematam muito perto da baliza academista.
Aos 49 minutos Débora Esteves tem um bom pormenor técnico desmarcando-se bem e remata vendo o mesmo ser devolvido caprichosamente pelo poste da baliza academista.
Os academistas apesar da maior posse de bola dos benfiquistas conseguia evitar os lances de perigo para a sua baliza e coube mesmo a Luís primeiro e sem seguida Diogo Paiva a rematar com perigo à baliza do Viseu Benfica.
Chegava-se ao final da partida onde os academistas conseguem obter a sua primeira vitória que acaba por se ajustar.
Arbitragem algo nervosa mas sem grandes erros.

Out: credenciais. Apesar de em muitos jogos não haver problemas, os academistas a jogar na situação de visitado devem-se acautelar e ter as respectivas credenciais para o elemento da segurança. Hoje isso motivou um atrasado que não se justifica no inicio da partida de quase um quarto de hora. A merecer mais atenção!
In: espirito de luta academista. Os academistas mostraram um espirito guerreiro e com isso nos momentos em que se encontravam em desvantagem no marcador conseguiram reagir da melhor forma. Disfrutando de boas oportunidades para marcar, a finalização castigou-se e só na segunda parte marcaram o golo do vitória que acaba por se ajustar. Um espirito de luta enorme que permitiu a conquista dos primeiros pontos na competição.
Outros resultados:
Vouzelenses - Resende 2:10
Penalva Castelo - Drizes 2:3
CFT Viseu - Oliveira Frades 8:1
Lusitano Vildemoinhos - Dínamo Estação :
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Resende7700541221
CFT Viseu6411331313
Drizes6402161512
Lusitano Vildemoinhos531130910
Oliveira Frades7313172910
Dínamo Estação43012299
Crasto621312257
Viseu Benfica620414186
Penalva Castelo610512283
Vouzelenses610513303
Académico Viseu710610453

"Doce" Caramelo consolida vitória


Académico Viseu - Sp. Covilhã 3:0
Golo Académico Viseu: Hugo (62 min), Gonçalo Sousa (78 min), Caramelo (80+ 3 min)
Académico Viseu: Elísio, Renato Fernandes (Bié, 76 min), Carlos Santos, Ricardo, Henriques, Rafael Barreiros, Marcelo, Vasco (Caramelo, 61 min), Benjamim, Hugo e Gonçalo Sousa (Rafael Campos, 80+ 1 min).
Suplentes não utilizados: Diogo Correia, Tigas, Gabi, Lopes.
Treinador: Roger.
Sp. Covilhã: Paulinho, Reigones (Miguel Ramos, 50 min), Tinga, Mota, Pedro Santos, Pedro Jorge, Vasco Ferreira, Pilhas, Miguel Duarte, Pimenta (Gil, 74 min), Gelly (Dani, 80+ 2 min).
Suplentes não utilizados: Bruno, Tó João, Miguel Ângelo, Vasco Pinheiro.
Treinador: João Fonseca.
Cartão amarelo:
Académico Viseu: Benjamim (27 min), Vasco (32 min), Hugo (61 min), Carlos (64 min), Gonçalo Sousa (70 min)
Sp. Covilhã: Mota (13 min), Vasco Ferreira (56 min)
Cartão vermelho:
Sp. Covilhã: Vasco Ferreira (80+ 4 min)
Árbitro: Edgar Correia, Auxiliares: Luis Henriques, Luis Sousa (A.F. Coimbra)

Os juvenis academistas têm mais um jogo do seu Campeonato, onde procuram voltar às vitórias frente a um adversário, o Sp. Covilhã, que está num bom momento após 2 vitórias frente aos dois primeiros classificados.
Primeiro lance de perigo ocorre logo no primeiro minuto para os academistas quando Gonçalo Sousa centra bem para Vasco não conseguir dar o melhor seguimento ao lance.
Inicio de partida equilibrado com ambas as equipas a estudarem-se mutuamente a procurarem assumir o domínio da partida. Contudo os lances de perigo não acontecem em nenhuma das duas balizas.
Aos 18 minutos Vasco Ferreira remata forte mas sem a melhor direcção. Na sobra Hugo centra bem mas Benjamim não consegue chegar para cabecear.
Aos 24 minutos boa jogada individual de Hugo a centrar de forma precisa para Vasco mas este é infeliz no remate final. Os academistas estão a conseguir ter mais posse de bola faltando só mais concentração na altura do remate.
Chega-se ao intervalo com um nulo que se ajusta.

A segunda parte começa com o mesmo ritmo lento dos primeiros 40 minutos.
Aos 50 minutos livre de Marcelo para o interior da área covilhanense mas sem nenhum dos seus colegas conseguir o remate para o golo. No minuto seguinte é Vasco a entrar bem na sua ala mas sem conseguir bater Paulinho.
Após uma boa entrada academista a equipa adormece na partida e com isso o Sp. Covilhã aproveita para ter mais posse de bola. Aos 59 minutos remate de muito longe de Miguel Ramos para defesa de Elísio. Na resposta Pedro Santos centra bem para nenhum dos seus colegas conseguir o remate
O marcador viria a funcionar aos 62 minutos quando Caramelo recém-entrado centra bem para Hugo ver o guarda-redes avançado e fazer-lhe o chapéu levando a bola a anichar-se nas redes covilhanenses.
Aos 65 minutos remate de muito longe de Vasco Ferreira para defesa a dois tempos de Elísio.
A equipa do Sp. Covilhã com o golo sofrido parece ganhar alento para pressionar mais os academistas dando a estes espaços para os rápidos contra-ataques.
Aos 71 minutos Caramelo centra mas Paulinho consegue se antecipar e fazer a defesa. Dois minutos depois Renato Fernandes tem uma boa jogada subindo bem na sua ala e centra de bandeja para Caramelo rematar muito por alto.
Aos 76 minutos o recém entrado Gil aproveita a sua grande estatura para cabecear muito perto da barra da baliza academista. Dois minutos depois os academistas viriam a marcar pela segunda vez quando Gonçalo Sousa se mostra atento a aproveitar um lance ganho por Hugo e dá uma maior tranquilidade à equipa academista.
Aos 83 minutos Caramelo em velocidade ganha o lance a dois defesas e perante Paulinho faz o remate que se anicha nas redes forasteiras.
Arbitragem apesar de bastante contestado, teve uma exibição segura apesar de alguns erros e que não influenciou no resultado final.
Out: nervosismo academista. Fruto das três derrotas consecutivas os academistas entraram algo nervosos na partida e isso contraiu os seus movimentos e não deixaram que na primeira parte mostrasse o seu futebol.
In: segunda parte academista. Aos poucos os academistas foram-se soltando e com isso foram ganhando a "guerra" do meio campo e com isso o domínio da partida. Com um espirito de luta e muito querer os juvenis academistas souberam defender bem e atacar de forma precisa garantindo-lhes 3 golos e assim uma vitória que se ajusta.
Melhor em campo: Caramelo. Foi um verdadeiro abre-latas a sua entrada na partida pois passado um minuto fez o passe para Hugo marcar o golo inaugural. Para além disso aproveitando a sua velocidade o jovem jogador academista ainda teve nas melhores ocasiões dos academistas. Premiando a sua exibição viria a conseguir o terceiro golo da sua equipa e assim apesar de estar pouco mais de 20 minutos foi o jogador que desequilibrou a partida!
Outros resultados:
Beira Mar - U. Leiria 0:0
Marinhense - Anadia 3:2
Naval - Repesenses 2:3
Núcleo Guarda - Académica Coimbra 0:3
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
U. Leiria12831221227
Académica Coimbra1281324925
Beira Mar12552221420
Repesenses12462181118
Marinhense12534161918
Académico Viseu12525221817
Anadia12444181816
Núcleo Guarda12417101913
Sp. Covilhã1221914327
Naval121295205

18 novembro 2013

Infantis sub 12 A derrotados por dinamistas

Dínamo Estação - Académico Viseu 7:2 

NOTA: Gostaria de pedir ajuda na elaboração da noticia, visto não ter assistido ao jogo. Caso tenham noticias, enviem informações para: jorge.miguel.sa@gmail.com. Obrigado desde já!
 
Outros resultados:
Oliveira Frades - Lusitano Vildemoinhos 2:8
Drizes - Crasto 2:0
Resende - CFT Viseu 5:2
Viseu Benfica - Penalva Castelo 2:1
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Resende6600441018
Lusitano Vildemoinhos531130910
CFT Viseu5311251210
Oliveira Frades6312162110
Dínamo Estação43012299
Drizes530213139
Crasto621312257
Viseu Benfica520312156
Penalva Castelo510410253
Vouzelenses510411203
Académico Viseu60067430