31 dezembro 2011

Ceia Natal Academista

No passado dia 22 Dezembro a família academista juntou-se para celebrar o Natal. Foi um momento de magia e sobretudo de muito convívio.
Ficam aqui as fotos!
Ceia Natal Académico
(clique na foto para ver restantes)


Um ano de 2012 cheio de Saúde, Paz e Amor que o resto virá de certeza!

27 dezembro 2011

Aniversário João Abreu

Hoje o João Abreu, um dos jogadores dos Benjamins do nosso clube faz anos.
Com a tua humildade, trabalho irás "conquistar" tudo o que mais desejas.
Acredita em ti e sonha e tudo vais conquistar
Parabéns e tudo de bom CAMPEÃO!!







22 dezembro 2011

Sorrisos especiais

Os sorrisos são especiais e dados por crianças ainda tornam estes momento memoráveis.
Hoje dia 22 Dezembro, os jovens jogadores academistas e seus técnicos receberam uns campeões, com quem trocaram momentos de felicidade com a bola nos pés.

Foi um dia especial, onde os sorrisos foram algo que ficará sempre eterno!

Sorrisos Eternos
(carrega sobre a foto para ver as restantes) 

Parabéns aos jovens academistas que tornaram o dia destas crianças bem especial! ORGULHO!!

19 dezembro 2011

Aniversário Edgar


Hoje o Edgar, um dos jogadores dos Benjamins do nosso clube faz anos.
Com a tua humildade, trabalho e acima de tudo SORRISO irás "conquistar" tudo o que mais desejas.
Acredita em ti e sonha e tudo vais conquistar
Parabéns "AIMAR" e tudo de bom CAMPEÃO!!







18 dezembro 2011

Nervos atraiçoam academistas

Académico Viseu - Lusitano Vildemoinhos 1:1
Golo Académico Viseu: Raul (46 min)
Golo Lusitano Vildemoinhos: Dinis Pereira (6 min)
Académico Viseu: Rodrigo, Josué, Abreu, José Félix, João Félix, Rafa, Tomás, Raul, Leo, Melo e Miguel.
Treinador: Xavier.
Lusitano Vildemoinhos: Paulo Dias, Pedro Oliveira, Guilherme, Rui Matos, Ricardo Correia, Dinis Pereira, Diogo Bondoso, Ricardo Ferreira, Marcelo, Bernardo Marques, João Filipe e João Miguel.
Treinador: Carlos Silva.

Este é um derby viseense em que ambas as equipas procuram a vitória para conseguirem o melhor lugar na tabela classificativa.
Ambas as equipas entram na partida de forma prudente a não quererem cometer erros.
Aos 4 minutos Diogo Bondoso obriga Rodrigo a boa defesa. Contudo dois minutos depois Dinis Pereira sozinho na área academista viria mesmo a marcar, inaugurando assim o marcador.
Aos 12 minutos boa ocasião para a equipa trambela quando Pedro Oliveira em boa posição remata com perigo à baliza academista.
Os academistas estão a tentar reagir ao golo. Aos 17 minutos Raul marca bem o canto para Melo cabecear e obrigar Paulo Dias a boa defesa a evitar o golo academista. Sobre os 20 minutos da partida numa boa jogada academista a bola passa mesmo sobre a linha de golo mas sem entrar nas redes trambelas.
Aos 25 minutos boa jogada de Raul para grande defesa de Paulo Dias.
Chega-se ao final da primeira parte com uma vitória parcial trambela.
Os academistas são os primeiros a criarem perigo quando Melo descobre Leandro que remata bem mas um pouco ao lado da baliza trambela. Aos 29 minutos Leandro centra bem e Raul fica perto do golo.
No minuto seguinte os mesmos jogadores criam mais uma boa ocasião para empatarem valendo desta vez a atenção de Paulo Dias.
Os academistas tentam o golo e pressionam o Lusitano de Vildemoinhos, que faz com que estes recuem no terreno. Aos 37 minutos lance polémico na área forasteira quando Raul parece ser derrubado. No minuto seguinte Rodrigo brilha com uma defesa a remate de Diogo Bondoso.
Partida bastante mais equilibrada e aos 43 minutos Diogo Bondoso remata bem para boa defesa de Rodrigo.
Após uma entrada mais forte na segunda parte dos academistas cabe agora ao Lusitano de Vildemoinhos o domínío da partida mas aos 46 minutos os academistas viriam a restabelecer o empate na sequência de um livre marcado por Leandro e Raul aparece a cabecear a fazer o golo do empate.
Aos 49 minutos Leandro na marcação de um livre obriga Paulo Dias a boa defesa a evitar o golo.
Chega-se ao final da partida com um empate num jogo bastante emocionante.
Arbitragem com alguns erros mas onde o maior pecado residiu no facto de ter permitido que as equipas jogassem com cores muito similares e que causou muitas dificuldades de percepção. A merecer mais cuidado!

Out: ausência de massagista. É uma das falhas que sinto em várias das equipas academistas! Quando acontece uma lesão de um atleta não existe ninguém competente que trate da situação. Por muito respeito que tenha por seccionistas ou treinadores eles não sabem ou melhor poucos devem saber como tratar dessas lesões. Senão for possível isso que ao menos exista o equipamento necessário para a resolução completa de tais situações.
Melhor em campo: Raul e Paulo Dias. Paulo Dias teve um punhado de grandes defesas que foram evitando o golo academista. Sempre bastante atento o jovem guarda-redes trambelo teve uma boa exibição que só Raul conseguiu derrubar com um golo que também premeia a sua boa exibição sempre muito empenhada e lutadora.

Outros resultados:
Repesenses - Dinamo Estação 14:0
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Repesenses770047615
Académico Viseu6312211310
Lusitano Vildemoinhos7313262810
Dínamo Estação620415373
Viseu Benfica600613380

Tic-tac repesense dá vitória gorda

Académico Viseu - Repesenses 0:8
Golo Repesenses: João Jesus (10 min), David Teixeira (14, 45, 54 min), João Diogo (21 min), Vitória (26, 44 min), Pedro Silva (52 min)
Académico Viseu: Pedro Santos, Gonçalo Teixeira, Ricardo Roldão, Pedro Ferreira, Pedro Lopes, Rafael Ponte, Diogo Ponte, Rúben Miguel e Rúben Torres.
Treinador: Marco Tenreiro.
Repesenses: André, Filipe, José Ferrão, João Jesus, David Teixeira, Pedro Silva, João Diogo, Guilherme, Vitória, Rúben, Filipe e Joel Patrick.
Treinador: Ricardo Fernandes.

Primeiro lance de perigo aos 2 minutos quando João Diogo bem desmarcado por Pedro Silva aparece em boa posição e não consegue o golo.
O Repesenses tem mais posse de bola e com isso o domínio inicial da partida. Aos 5 minutos grande ocasião para os forasteiros quando Filipe aparece no interior da área academista e remata para grande defesa de Pedro. Na resposta Ricardo Roldão aparece em boa posição e obriga André também ele a grande defesa.
O Repesenses tem à passagem do minuto 7 quando David Teixeira aparece nas costas da defesa academista e remata com muito perigo à baliza local. Na resposta Rafael Ponte aparece bem e obriga o guarda-redes repesense a boa defesa.
Apesar do muito frio os jogadores de ambas as equipas estão a realizar o.
O primeiro golo viria a acontecer à passagem do minuto 10 quando João Jesus aparece solto de marcação e remata colocado e abre o marcador a favor dos forasteiros. Quatro minutos depois numa boa jogada de Filipe a bola chega a David Teixeira que aparece bem e faz o golo.
Aos 21 minutos João Diogo bem desmarcado aparece perante Pedro e faz o golo. O Repesenses tem o domínio da partida. Cinco minutos nova boa jogada repesense com Joel Patrick a desmarcar bem Vitória que solto de marcação faz o quarto golo repesense.
Chega-se ao intervalo com uma vitoria justa dos repesenses fruto do seu melhor futebol.
O primeiro remate da segunda parte acontece à passagem do minuto 5 quando Joel Patrick em boa posição remata forte levando a bola a passar rente da baliza academista. O mesmo jogador aos 36 minutos viria novamente a rematar bem para defesa segura de Pedro.
A resposta academista dá-se por intermédio de Rúben Torres que tem um bom remate mas Guilherme tem uma defesa atenta. Na resposta é Filipe que vê o seu remate a embater na base do poste da baliza academista. Contudo o golo viria mesmo a acontecer à passagem do minuto 44 com Vitória a aparecer bem à desmarcação de Filipe.
No minuto seguinte é a vez de David Teixeira que remata forte e leva a bola a passar entre Pedro e o seu poste.
Aos 48 minutos Vitória aparece após grande passe de Pedro Silva a rematar com muito perigo valendo a defesa de Pedro. Quatro minutos depois João Diogo descobre bem Pedro Silva que remata colocado sem hipóteses para o guarda-redes academista. Dois minutos depois João Diogo surge em boa posição mas falha no remate.
Aos 53 minutos grande remate de Joel Patrick que vê o seu remate bater na barra academista. No minuto seguinte Pedro Silva marca bem o canto para David Teixeira aparecer solto de marcação muito devido à apatia academista e faz o golo.
Já sobre o apito final boa jogada academista com Gonçalo a aparecer solto perante Guilherme mas falha no remate levando a bola a passar rente da baliza repesense.
Vitória justa repesense que rubricou uma boa exibição face aos academistas algo apáticos que não conseguiram resistir ao melhor futebol repesense.

Out: apatia academista. Os jogadores academistas ao longo da partida mostraram em muitos momentos uma enorme apatia e medo de errar que lhes limita as suas acções. Divirtam-se campeões! Todos erramos e além disso errar faz-nos aprender e tornar-nos melhores! Acreditem em vocês e acima de tudo divirtam-se ao máximo!
In: futebol repesense . Os jogadores repesenses mostraram o porque de serem consideradas umas das melhoras equipas deste campeonato de sub-12 e foram conseguindo trocar bem a bola e com isso abrir buracos na defensiva academista. Muito do óleo desta máquina reside no facto de muitos dos jogadores já jogarem juntos à vários anos, o que não acontece na equipa academista.
Melhor em campo: João Diogo. O jogador repesense foi sempre um dos melhores da sua equipa e procurou sempre assistir os seus colegas, bem como também ele criar lances de perigo para a baliza de Pedro. Premiou a sua boa exibição com um golo.

Outros resultados:
Nelas - Dínamo Estação 4:4
Crasto - Pestinhas 5:2
Oliveira Frades - Viseu 2001 1:3
Penalva Castelo - Viriatos 6:0
Viseu Benfica - Santo André 6:0
Lusitano Vildemoinhos - Pinguinzinhos 4:6
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Pestinhas10811641325
Pinguinzinhos10811511525
Repesenses1081140625
Crasto10712291122
Lusitano Vildemoinhos10622351820
Viseu 200110622261520
Penalva Castelo9423231414
Viseu Benfica10406332512
Académico Viseu1030715399
Santo André922510388
Dínamo Estação1021719387
Oliveira Frades1013610326
Nelas1012715705
Viriatos100198441

17 dezembro 2011

Juniores alcançam vitória preciosa

Padroense - Académico Viseu1:2
Golos Académico Viseu: Dani e Tiago Almeida.
Académico Viseu: Rui Pedro, Nuno Oliveira, Marco, Bruno, Mickael, Dani, Mauro, Marcelo, Tiago Almeida, João Ricardo (João André, 70 min) e Gui (Rafa, 80 min).
Treinador: Pipo, Carlos Moreira e Filipe Pipo.

Os juniores academistas tinham uma deslocação a Padrão da Légua para defrontar a equipa do Padroense, num jogo em que ambas as equipas procuravam uma vitória para irem para a interrupção natalícia da melhor forma.
Os viseenses viriam a ser os primeiros a marcar quando Nuno Oliveira manda a bola ao poste e na sobra Dani é mais lesto que a defesa contrária e abre o marcador para os academistas.
Até ao final da primeira parte os locais tentam o golo, o que viriam a alcançar chegando ao intervalo com um empate.
Na segunda parte os academistas viriam a conseguir o golo quando num momento de inspiração Tiago Almeida desfere um remate indefensável.
Com este golo os academistas colocavam-se novamente na liderança do marcador e até ao final da partida com bastante união e querer conseguiram preservar e assim obter uma vitória importante na concretização dos seus objectivos.

Outros resultados:
Beira Mar - Penafiel 4:1
Candal - Tourizense 3:0
Académica Coimbra - Infesta 3:0
Paredes - Salgueiros 2:2
Lourosa - Sabugal 3:0
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Académica Coimbra171313381340
Penafiel171232442139
Tourizense17845312328
Salgueiros17836262027
Candal17827332726
Beira Mar17746332925
Académico Viseu17737333024
Padroense17656241723
Paredes17539273318
Lourosa175210214617
Infesta175111303816
Sabugal17211411547

Festival de golos em vitória forasteira

Académico Viseu - Viseu 2001 4:10
Golo Académico Viseu: Miguel Martins (32, 52 min), Gonçalo Ribeiro (51 min), David Gomes (57 min)
Golo Viseu 2001: Kiko (4, 14, 23, 37, 45 min), Rodrigo (22, 26, 33min), Guilherme (34 min), David Morgado ( 42 min)
Académico Viseu: Pedro, Olavo, João Santos, Nuno Albuquerque, Gonçalo, Miguel Martins, Daniel Gonçalves, Leonardo, David Gomes, Rafael Sousa, Rúben Torres e Pedro Santos.
Treinador: Vasco.
Viseu 2001: Miguel, Marcelo, Guilherme, Gonçalo, Gonçalo Coelho, Diogo, David Morgado, Kiko, Rodrigo, Ricardo, Simão e Rui.
Treinador: Júlio.

Este é mais um derby no escalão de sub-13, onde as duas equipas que se confrontam são o Académico de Viseu e o Viseu 2001. É um jogo em que o Viseu 2001 parte como favorito e os academistas tentam uma surpresa.
O Viseu 2001 entra com mais posse de bola e aos 3 minutos Gonçalo aparece bem nas costas da defensiva academista mas não consegue o remate  Contudo no minuto seguinte a equipa forasteira viria a marcar quando Gonçalo marca o canto e Kiko faz o golo.
O golo motiva a equipa do Viseu 2001 e no minuto seguinte viriam a introduzir a bola nas redes academistas por David Morgado, mas o lance foi anulado por fora de jogo. Um lance bastante contestado!
Os forasteiros tem mais posse de bola mas os academistas estão a reagir bem ao golo sofrido.
Aos 11 minutos Gonçalo obriga Pedro a boa defesa. Dois minutos depois é Rodrigo a rematar forte para boa defesa de Pedro.
O segundo golo viria mesmo a surgir à passagem do minuto 14 por Kiko que aparece bem a rematar após defesa incompleta de Pedro. Dois minutos depois Miguel Martins tem uma boa jogada individual e remata bem valendo a atenção de Miguel.
Aos 20 minutos boa situação para o Académico com Daniel a aparecer a cabecear com muito perigo à baliza contrária. No minuto seguinte Viseu 2001 viria a marcar quando Guilherme desmarca bem Rodrigo que remata colocado sem hipótese para o guarda-redes academista.
Aos 23 minutos Kiko aparece bem a rematar colocado e a ampliar a vantagem forasteira. Essa vantagem viria a ser alterada novamente três minutos depois quando Rodrigo numa boa jogada consegue sair da sua defesa até ao ataque e ainda de longe desfere um remate que só para nas redes academistas.
Chega-se ao intervalo com uma vitória gorda dos forasteiros.
Logo no segundo minuto da segunda parte os academistas viriam mesmo a marcar quando numa boa jogada de Miguel Martins este desfere um bom remate e faz o golo.
Na resposta Gonçalo marca bem o canto para Rodrigo aparecer a fazer o golo. No minuto seguinte seguinte Guilherme tem um bom remate e faz o melhor golo da partida até ao momento.
Aos 37 minutos a vantagem forasteira viria a ser ampliado novamente por Kiko a aparecer no sítio exacto para marcar o quarto golo da sua conta pessoal.
Cinco minutos depois Kiko tem uma boa jogada individual e centra para David Morgado no interior da pequena área a marcar.
Aos 45 minutos novo golo viria a surgir quando Gonçalo desmarca Kiko para o jogador forasteiro aparecer e fazer o 10º golo da sua equipa. Os academistas baixaram braços com os golos sofridos mas aos 51 minutos viriam a conseguir o golo com Gonçalo Ribeiro a fazer um bom golo.
No minuto seguinte Miguel Martins numa boa triangulação com Gonçalo Ribeiro aparece em boa posição e faz novo golo para os academistas.
Aos 57 minutos canto bem marcado por Rafael Sousa com David Gomes a subir bem e fazer novo golo.
Chega-se ao final da partida com um resultado justo para o Viseu 2001, onde os academistas rubricaram uma boa segunda parte.

Out: mau exemplo dos adultos, arbitragem. Foi uma arbitragem foi uma exibição desastrosa, onde ficaram por assinalar duas grandes penalidades, uma para cada equipa, faltas e lançamentos assinalados de forma contrária, Uma exibição descolorida daquela que foi a pior equipa em terreno. Como sempre refiro os adultos devem ser sempre os exemplos para estes jovens campeões, mas muitas das vezes os nervos e as fortes emoções levam a que sejam os jovens jogadores a darem eles sim um grande exemplo de fair-play e disciplina no jogo.
In: golos. Houve golos para todos os gostos e feitios nesta partida. As equipas com uma toada bastante ofensiva criaram sempre muito perigo às defensivas contrárias e como o resultado mostra levaram larga vantagem aos sectores mais recuados de ambas as equipas.
Melhor em campo: Rodrigo. Foi um dos pulmões da equipa do Viseu 2001. Por ele passou todo o jogo da sua equipa e quando em terreno a sua equipa criou sempre muito perigo. Para além de desmarcar os seus colegas também conseguiu marcar por três vezes, tendo uma exibição a recordar contra o seu antigo clube.

Outros resultados:
Repesenses - Casa Benfica Viseu 0:1
Lusitano Vildemoinhos - Ranhados 18:0
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Viseu 200110820591826
Lusitano Vildemoinhos972054823
Repesenses10514532216
Viseu Benfica9414541513
Casa Benfica Viseu9324292111
Académico Viseu 911723474
Ranhados1001971481

Dos erros contrários nasceu a vitória penalvense

Académico Viseu - Penalva Castelo 0:3
Golos Penalva Castelo: Pedro (36 min), Roberto (42 e 51 min)
Académico Viseu: Diogo, Pedro Pais (Ângelo, 48 min), Miguel Ribeiro, Diogo Santos, David Tadeu (João Pereira, 58 min), Manuel Gonçalves, Mauricio (David Lopes, intervalo), Zé Pedro, Guilherme Costa, Gustavo e Rui Silva (Mário Joviano, 48 min).
Suplentes não utilizados: Rui Pedro, João, João Lage.
Treinador: Gustavo.
Penalva Castelo: Anselmo, Luis Vasco (Marcelo, 67 min), Zé António, Max, Denis, Daniel, David (Cristóvão, 59 min), Francisco, Diogo (Fábio, 59 min), Roberto e Pedro (Micael, 67 min).
Suplentes não utilizados: Luis Carlos, João Diogo.
Treinador: Elísio Pais.
Árbitro: Tiago Rodrigues, Auxiliares: Pedro Reis e Tiago Soares.

Os iniciados B academistas tem um jogo de elevada dificuldade onde o seu adversário é o Penalva Castelo.
A partida começa com uma toada bastante equilibrada onde as equipas procuraram não cair no erro de forma a dar hipóteses ao seu adversário. Desta forma os remates para ambas as balizas são escassos.
O primeiros remate com real perigo acontece à passagem do minuto 17 com Daniel a obrigar Diogo a defesa complicada.
Os academistas tentam reagir e Zé Pedro em boa posição não consegue o melhor remate.
Aos 32 minutos grande ocasião para os academistas quando Zé Pedro descobre bem Guilherme que aparece sozinho perante o guarda-redes penalvense. Contudo o avançado academista tentam passar o seu adversário e adianta em demasia a bola e perde assim uma boa ocasião para marcar.
Na resposta Pedro também ele aparece solto de marcação valendo o corte providencial de Manuel. Aos 35 minutos Pedro novamente em boa posição remata com perigo para a baliza academista.
Chega-se ao intervalo com um empate no marcador que se ajusta aos acontecimentos.
A segunda parte começou de forma diabólica para os penalvenses que em menos de um minuto viriam a marcar quando num remate fácil Diogo é infeliz e deixa a bola escapar para Pedro mais lesto que a defesa academista aparecer a rematar já de ângulo dificil e fazer o golo inaugural da partida.
A resposta local daria-se aos 40 minutos quando David Lopes tem uma boa jogada individual conseguindo entrar na defensiva penalvense e em seguida desmarca Gustavo que obriga Anselmo a boa defesa.
O golo sofrido foi muito sentido pelos locais que viriam novamente a sofrer um golo à passagem do minuto 42 quando Roberto aproveita uma falha de marcação para aparecer na área e perante Diogo ampliar a vantagem forasteira.
Após esta entrada na segunda parte de forma algo conturbada os academistas tentam reagir trocando melhor a bola e tendo mais posse de bola mas à passagem do minuto 51 viriam a sofrer novamente um golo quando Max com uma boa assistência descobre Roberto que se desmarca bem e bisa assim na partida.
Com este golo a partida toma um ritmo mais pausado e o equilíbrio é a tónica dominante e só aos 67 minutos viríamos a ter um momento de emoção numa das balizas desta vez na área penalvense quando na sequência de um livre a bola fica à mercê de dois avançados academistas mas não conseguem o golo. Na resposta é novamente Roberto que se assume com o melhor jogador em campo a levar a bola a passar muito perto da baliza defendida por Diogo.
Vitória justa embora que por números exagerados dos penalvenses que souberam aproveitar os erros academistas da melhor forma.
Exibição tranquila do trio de arbitragem que soube levar a bom porto a sua missão.

Out: erros academistas. Após uma primeira parte morna e onde só nos ultimos minutos aconteceram ocasiões de golo, a segunda parte começou de forma diabólica e onde os academistas tiveram alguns erros fatais e que foram aproveitados da melhor forma pelos penalvenses. Com os golos sofridos a equipa sentiu a forma como os sofreu e perdeu muito do equilibrio que mostrou ao longo dos primeiros 35 minutos.
Melhor em campo: Roberto. Foi um dos elementos primordias na estratégia penalvense e procurou sempre os desquilibrios que criassem perigo para a defensiva academista. Viu a sua exibição ser colorida com dois golos.

Outros resultados:
Viseu Benfica - Lusitano Vildemoinhos 0:3
Mortágua - Pinguinzinhos 0:3
Repesenses B - Pestinhas 0:1
Crasto B - Campia 2:3
Canas Senhorim - Molelos 0:0
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Lusitano Vildemoinhos11110054333
Viseu Benfica11722291323
Pestinhas11713251422
Canas Senhorim11632161521
Pinguinzinhos1162420720
Molelos11533151218
Repesenses B11524221117
Penalva Castelo11524181217
Mangualde11326162211
Mortágua1131792710
Académico Viseu1121816227
Campia12111011613
Crasto B1102910422

Derby equilibrado "caiu" para forasteiros

Académico Viseu - Repesenses 3:4
Golos Académico Viseu: Nuno Pereira (11 min, pb), André (15 min), Miguel Loureiro (49 min)
Golo Repesenses: Jacques (29 min), David Sousa (32 min), Iuri (36, 48 min)
Académico Viseu: Guilherme, André, Miguel Loureiro, Luiz, Vasco, Diogo Fonseca, Xico, Francisco Pereira, Guilherme Sousa, Kiki, Edgar e João Nunes.
Treinador: Carlos Lopes.
Repesenses:Guilherme, Rafael Teixeira, Vitor, Tiago Saraiva, David Sousa, Iuri, João Martins, Rodrigo, Jacques, José Augusto, Nuno Pereira e André Nunes.
Treinador: Ricardo Marques.

Àrbitros: Miguel Vieira e Catarina Araújo.

As equipas sub-10 academistas e repesenses têm mais um derby que promete fortes emoções.
Começo bastante equilibrado sem nenhuma das equipas a querer errar para não dar à outra equipa ocasiões para marcar. Aos 4 minutos Jacques aparece a aproveitar uma desatenção na defensiva academista e remata bem para boa defesa de Guilherme.
A resposta academista dá-se no minuto seguinte num remate de André para defesa do guarda-redes repesense.
O primeiro golo viria a surgir à passagem do minuto 11 quando num livre de Diogo Fonseca ao tentar o desarme Nuno Pereira tem um desarme errado e cabeceia para as suas redes traindo Guilherme.
Os academistas estão por cima da partida e aos 15 minutos novo golo viria a surgir quando Miguel Loureiro aparece a pressionar a defensiva contrária e no momento certo desmarca André que remata bem e amplia a vantagem academista.
Os academistas estão seguros na partida e conseguem regressar aos balneários com uma vitória justa que se ajusta aos acontecimentos ocorridos na primeira parte.
O primeiro remate da segunda parte ocorre para os academistas por Guilherme Sousa que aparece bem desmarcado.
Os forasteiros reagem e aos 29 minutos após uma bola perdida em zona proibitiva a bola chega a Jacques que remata forte para o golo. Três minutos depois numa jogada de insistência David Sousa remata à primeira ao poste. Na sobra a bola chega novamente ao mesmo jogador que faz o golo do empate.
A partida está bastante emotiva e com ambas as equipas a procurarem o golo.
Cabe aos forasteiros o dominio da partida e aos 36 minutos numa boa jogada de Iuri, o seu remate só para nas redes contrárias permitindo aos repesenses a cambalhota no marcador.
No minuto seguinte novamente Iuri a obrigar com um seu remate Guilherme a boa defesa. Aos 40 minutos é a vez de João Martins colocar novamente o guarda-redes academista a boa defesa.
Aos 48 minutos na sequência de um canto marcado de forma directa Iuri bisa na partida. Nos instantes seguintes o Académico viria a marcar por Miguel Loureiro colocando novamente os academistas na procura do resultado com pontos que não viria a acontecer.
Partes antagónicas de ambas as equipas onde o empate seria o mais justo.

12 dezembro 2011

Derby juvenil favorável a repesenses

Repesenses - Académico Viseu 1:0

NOTA: Gostava de solicitar uma ajuda na elaboração desta noticia! Quem tenha assistido ou tenha mais informações do mesmo, contacte-me para jorge.miguel.sa@gmail.com. Muito obrigado!

Outros resultados:
Ranhados - Canas Senhorim 2:3
Vouzelenses - Tondela 1:11
Viseu Benfica - Penalva Castelo 0:2
Mortágua - Santacombadense 4:1
Molelos - Nelas (15/12 - 15:00)
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Repesenses10100065030
Académico Viseu1173128524
Mortágua11632341021
Canas Senhorim10523201117
Molelos9513191616
Viseu Benfica10443371716
Mangualde10424221414
Penalva Castelo10343141513
Tondela923411409
Santacombadense922514178
Nelas922517268
Ranhados101099473
Vouzelenses900961010

Infantis dão salto na tabela classificativa

Viriatos - Académico Viseu 1:2

Os infantis B academistas tinham um derby com os Viriatos onde ambas as equipas procuravam uma vitória que lhes permitisse subir alguns postos na tabela classificativa.
Esse desidrato viria a ser alcançado pelos academistas que assim dão um salto na tabela classificativa afastando-se um pouco dos lugares mais atrasados da mesma.

NOTA: Gostava de solicitar uma ajuda na elaboração desta noticia! Quem tenha assistido ou tenha mais informações do mesmo, contacte-me para jorge.miguel.sa@gmail.com. Muito obrigado!

Outros resultados:
Dínamo Estação - Viseu Benfica 2:5
Repesenses - Oliveira Frades 6:0
Pinguinzinhos - Nelas 10:1
Pestinhas - Lusitano Vildemoinhos 4:4
Viseu 2001 - Crasto 1:0
Santo André - Penalva Castelo (adiado)
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Pestinhas981062825
Pinguinzinhos9711451122
Repesenses971132622
Lusitano Vildemoinhos9621311220
Crasto961224919
Viseu 20019522231417
Penalva Castelo8323171411
Viseu Benfica930627259
Académico Viseu930615319
Santo André822410328
Oliveira Frades91359296
Dínamo Estação920715346
Nelas911711664
Viriatos90188381

Pestinhas vencem academistas

Pestinhas - Académico Viseu  4:2

Os iniciados B academistas deslocaram-se a Tondela para defrontar a equipa local dos Pestinhas.
Frente a uma equipa forte e que procura os lugares mais cimeiros da tabela classificativa, também procuraram o golo que viriam a atingir por duas vezes.
Pelo lado dos locais esse mesmo desidrato viria a acontecer por quatro vezes e isso permitiu à equipa dos Pestinhas uma vitória que os coloca mais próximo dos lugares que dão acesso à fase final desta competição.

NOTA: Gostava de solicitar uma ajuda na elaboração desta noticia! Quem tenha assistido ou tenha mais informações do mesmo, contacte-me para jorge.miguel.sa@gmail.com. Muito obrigado!

Outros resultados:
Lusitano Vildemoinhos - Canas Senhorim 5:0
Pinguinzinhos - Mangualde 2:0
Molelos - Mortágua 0:1
Penalva Castelo - Viseu Benfica 2:3
Campia - Repesenses 1:7
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Lusitano Vildemoinhos10100051330
Viseu Benfica10721291023
Canas Senhorim10622161520
Pestinhas10613241419
Pinguinzinhos1052317717
Molelos10523151217
Repesenses B10523221017
Penalva Castelo10424151214
Mangualde11326162211
Mortágua1031692410
Académico Viseu1021716197
Crasto B100288392
Campia1101108590

Benjamins vitoriosos em terreno complicado

Vila Chã Sá - Académico Viseu 1:2

Os benjamins B academistas tinham neste fim de semana uma deslocação embora que próxima de dificuldade máxima.
O adversário era o Vila Chã Sá que só por duas vezes tinha perdido neste Campeonato e com equipa do topo da tabela e assim o desafio para os academistas era complicado.
Para além do poderio fisico dos locais, o terreno era mais um obstáculo aos academistas pois não estão habituados a jogar nele e assim a partida foi bastante equilibrada e onde ambas as equipas procuraram sempre o golo.
A vitória acabaria por sorrir aos academistas pela margem mínima.

NOTA: Gostava de solicitar uma ajuda na elaboração desta noticia! Quem tenha assistido ou tenha mais informações do mesmo, contacte-me para jorge.miguel.sa@gmail.com. Muito obrigado!


Fotos retiradas do blog: 
ASSR Desportiva Vila Chã Sá 
Um blog a visitar!

Outros resultados:
Santo André - Carregal Sal 0:6
Dínamo Estação - Viseu Benfica 13:1
Repesenses - Oliveira Frades 4:3
Pinguinzinhos - Nelas 7:1
Pestinhas - Lusitano Vildemoinhos 2:4
Viseu 2001 - Crasto 4:0
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Repesenses9702531721
Lusitano Vildemoinhos9621441920
Viseu 20019612441619
Carregal Sal9531401918
Oliveira Frades9513221716
Pinguinzinhos9513461416
Académico Viseu9513441916
Pestinhas9414362613
Dínamo Estação9243372110
Vila Chã Sá9243262510
Nelas9315162810
Crasto915327238
Santo André90094880
Viseu Benfica900961130

Exibição segura dita justa vitória junior

Académico Viseu - Lourosa 4:1
Golos Académico Viseu: João Ricardo 2, Marcelo e Marco.
Académico Viseu: Rui Pedro, Nuno Oliveira, Marco, Bruno, Mickael, Dani (Pedro Costa), Mauro (Lucas), Marcelo, Tiago Almeida, João Ricardo (Rafael) e Gui.
Treinador: Pipo, Carlos Moreira e Filipe Pipo.

Os juniores academistas após um resultado menos positivo alcançado no Sabugal, tinham neste confronto com uma equipa que luta pelos mesmos objectivos a hipótese de alcançar uma vitória que lhes permitisse aproximar dos lugares mais cimeiros da tabela classificativa.
Os academistas entraram bem na partida e aos poucos foram criando algumas oportunidades para marcar e viria a ser Marcelo que seria o primeiro a conseguir introduzir a bola nas redes forasteiras.
Seria com este golo que dava uma vitória tangencial aos academistas com que ambas as equipas iriam regressar aos balneários para o descanso.
A segunda parte começou com os academistas a tentaram o golo que lhes dessem uma maior segurança enquanto que os forasteiros também procuravam o golo que lhes desse um resultado com pontos.
Contudo os academistas num espaço de 10 minutos viriam a marcar por duas vezes, primeiro por João Ricardo e depois por Marco e assim os locais conseguiam um resultado que lhes dava uma maior segurança.
Até ao final da partida os academistas ainda viriam novamente a marcar por intermédio de João Ricardo que assim bisava na partida, enquanto que os forasteiros viriam mesmo no final da partida a reduzir o marcador, sem contudo fazer perigar a justa vitória academista.
Com esta vitória os academistas regressam novamente aos bons resultados e assim aproximam-se dos lugares mais cimeiros da tabela classificativa.

Outros resultados:
Tourizense - Beira Mar 1:0
Penafiel - Académica Coimbra 0:2
Infesta - Paredes 2:1
Sabugal - Candal 2:3
Salgueiros - Padroense 1:0
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Penafiel161231431739
Académica Coimbra161213351337
Tourizense16844312028
Salgueiros16826241826
Padroense16655231523
Candal16727302723
Beira Mar16646292822
Académico Viseu16637312921
Paredes16529253117
Infesta165110303516
Lourosa164210184614
Sabugal16211311517

Primeira parte de gala dá vitória justa


Académico Viseu - Estrela de Almeida: 3-2
Golos do Académico: Benjamim (15 min), Ricardo (25 min) e Renato (47 min)
Golos Estrelas Almeida:  Pimentel (55 min) e Carlos Ribeiro (56 min)
Académico Viseu: Diogo, Renato, Alan (Zé Pedro aos 45 min), Carlos, Henrique, Ricardo, Rafael Barreiros, Benjamim, Marcelo (Alex ao intervalo), Rui Cardoso e João Silva (Bernardo aos 57 min).
Suplentes não utilizados: Miguel, David e Ruben
Treinador: Hugo Pardal.
Estrelas Almeida: Patrício; Ruben (Rafael, 52 min), David Dias, Baraças, Pires, Pimentel, Carlos Ribeiro, Tomaé, Tiago, Pereirinha e Marcdo.
Suplentes não utilizados: Miguel, Vítor, Bento, Diogo, Ruben I e Sandro.
Treinador: Paulo Silva

Árbitro: Paulo Pinheiro, Auxiliares: Assis Marques e Tiago Silva (A.F. Coimbra)

Antes do interregno natalício, os iniciados do Académico, depois da boa exibição da jornada anterior queriam somar uma vitória sobre a equipa que se encontrava um lugar acima na tabela, equipa essa que pratica um futebol rápido e directo o que dificulta muito a tarefa das equipas mais tecnicistas, como é o caso da academista.
O encontro iniciou-se com os viseenses a dominarem e, desde cedo a aproximarem-se perigosamente da baliza adversária e a criarem ocasiões de golo, que só aparece aos 15 minutos depois de uma jogada de insistência, Benjamim inaugurou o marcador.
Nesta altura, já o Académico podia estar a ganhar por três bolas a zero, dadas as oportunidades flagrantes que desperdiçou. Era um dos melhores jogos do Académico neste campeonato, que é coroado com mais um golo, depois de uma grande jogada, em que João Silva depois de deixar para trás o defesa centra para a entrada da área e Rui Cardoso deixa passar a bola inteligentemente para Ricardo que vindo de trás aplica um grande remate e faz um grande golo, sendo o prémio justo para a melhor jogada do encontro.
Chegava-se ao intervalo com um resultado escasso para tantas oportunidades criadas.
O descanso trouxe a primeira contrariedade para o Académico de Viseu com a lesão muscular de Marcelo, que o obrigou a ficar nos balneários, era um forte revés na equipa que estava a fazer uma excelente exibição.
O Almeida subiu as suas linhas e dava a ideia que queria mudar o rumo do jogo, mas na sequência de uma boa jogada pela direita, Renato aumenta a vantagem dos viseenses e trazia mais tranquilidade, foi um golo merecido para o jogador do Académico que fez uma excelente partida.
Poucos minutos passados a segunda substituição do Académico obriga Ricardo a recuar para central e a equipa perdeu por algum tempo o meio campo, permitindo ao Almeida aproveitar para em dois minutos marcar dois golos e relançar o jogo.
Sempre que a oportunidade se lhe deparou e aproveitando alguma técnica e velocidade de Pereirinha, o Estrelas de Almeida não deixou de colocar em sentido a equipa da casa.
Mas a atitude e carácter dos academistas conseguiu manter o resultado até final e assim conseguir uma excelente vitória, que só peca por escassa dados os golos que ficaram por marcar e uma exibição que, sobretudo na primeira parte, foi a melhor que vimos este ano.
A interrupção do campeonato vem em boa altura, permitindo recuperar algumas lesões que têm afetado a equipa. Bom Natal para todos…



Outros resultados:
Repesenses - Beira Mar 2:1
Oliveira Frades - Núcleo Guarda 2:3
São Romão - Gafanha 2:3
Oliveirense - Taboeira 0:4
Anadia - Sanjoanense 1:0 
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Taboeira17143048845
Beira Mar171313611540
Gafanha171124321335
Oliveirense17926292229
Sanjoanense17854311729
Estrelas Almeida17737282724
Académico Viseu17764301924
Anadia17719203222
Repesenses17539122118
Núcleo Guarda173212163611
São Romão17231213439
Oliveira Frades17111518854

10 dezembro 2011

Infantis empatam em Ranhados

Ranhados - Académico Viseu 1:1

Os infantis A academistas deslocaram-se no passado feriado dia 8 Dezembro a Ranhados com o firme propósito de alcançar a segunda vitória no Campeonato.
Do outro lado a equipa local procurava atingir os primeiros pontos nesta competição o que viria a acontecer com o empate a uma bola com que ambas as equipas coloririam o marcador final da partida. 

NOTA: Gostava de solicitar uma ajuda na elaboração desta noticia! Quem tenha assistido ou tenha mais informações do mesmo, contacte-me para jorge.miguel.sa@gmail.com. Muito obrigado!

Outros resultados:
Viseu 2001 - Repesenses 5:1
Casa Benfica Viseu - Viseu Benfica 1:1
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Viseu 20019720491423
Lusitano Vildemoinhos862036820
Repesenses9513532116
Viseu Benfica9414541513
Casa Benfica Viseu822428218
Académico Viseu 811619374
Ranhados901871301

08 dezembro 2011

Juniores infelizes em Sabugal

Sabugal - Académico Viseu 1:0

Outros resultados:
Padroense - Infesta 1:0
Candal - Beira Mar 3:1
Académica Coimbra - Tourizense 3:4
Paredes - Penafiel 1:2
Lourosa - Salgueiros 1:1
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Penafiel151230431539
Académica Coimbra151113331334
Tourizense15744302025
Padroense15654231423
Salgueiros15726231823
Beira Mar15645292722
Candal15627272520
Académico Viseu15537272818
Paredes15528242917
Lourosa15429174214
Infesta154110283413
Sabugal1521129487

Academistas arrancam empate a líder

video

Taboeira -Académico Viseu : 1-1
Golo do Académico: Rafael Barreiros (50 min)
Académico Viseu: Diogo, Ricardo, Rafael Barreiros, Carlos, Henrique, Renato, Marcelo, Zé Pedro (Guilherme ao intervalo), Rui Cardoso (Maurício aos 66 min), Hugo Rafael (Bernardo aos 20 min) e João Silva (Alex aos 60 min).
Suplentes não utilizados: Miguel, David, Ruben
Treinador: Hugo Pardal.

Os iniciados academistas tinham uma deslocação a casa do líder Taboeira, a única equipa que ainda não conheceu o sabor da derrota e que no seu terreno ainda não tinha cedido qualquer ponto.
Apesar das contrariedades que têm assolado a equipa, com lesões e castigos, a equipa apresentou-se na Taboeira com determinação em conseguir um resultado positivo. Mas mais uma vez a sorte não esteve do lado da equipa, depois de vinte minutos em jogo, Hugo Rafael teve que ser substituído devido a lesão, obrigando a uma alteração forçada.
O Taboeira tinha mais posse de bola, respondendo os viseenses com alguns contra-ataques. Chegava-se ao intervalo com um empate justo.
Na segunda parte o teor de jogo não se alterou substancialmente, mas aos 50 minutos é o Académico que se adianta no marcador quando na sequência de um canto marcado por João Silva a bola sobra para Rafael Barreiros que inaugura o marcador.
Pela primeira vez o Taboeira estava numa situação de desvantagem no seu terreno e começou a pressionar mais a equipa academista, mas esta manteve-se unida e coesa, respondendo da melhor maneira às investidas da equipa da casa.
Aos 60 minutos numa bola metida na área esta ressalta casualmente para o braço de Renato e o árbitro assinala penalti. O Taboeira restabelece o empate apesar de Diogo quase ter conseguido defender a grande penalidade. Ainda faltavam 10 minutos e mais 4 que o árbitro deu, mas o Académico conseguiu manter a atitude e calma, criando ainda duas ocasiões de muito perigo junto da baliza do Taboeira.
Chegava-se ao fim do jogo e mais uma vez a equipa academista não saiu derrotada perante aquela que tem sido a melhor equipa do campeonato e que ainda só perdeu 6 pontos, 4 deles com o Académico. Parabéns a todos e vamos continuar com esta determinação e atitude.

Outros resultados:
Gafanha - Oliveirense 1:0
Estrelas Almeida - Repesenses 0:1
Beira Mar - Oliveira Frades 15:0
Núcleo Guarda - Anadia 1:2
Sanjoanense - São Romão 8:0
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Taboeira16133044842
Beira Mar161312601340
Gafanha161024291132
Oliveirense16925291829
Sanjoanense16853311629
Estrelas Almeida16736262424
Académico Viseu16664271721
Anadia16619193219
Repesenses16439102015
São Romão16231111409
Núcleo Guarda16221213348
Oliveira Frades16111416824